drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019
Laura Ward

Resenha #264 Not Yet

Por Barbara em 22 mar • 2019

Posts arquivados em: Tag: romance

14mar • 15 lançamento, new adult, resenha

Resenha #85 Fingindo (Losing It #2)

Título: Fingindo
Autor: Cora Carmack
Páginas: 336
Gênero: New Adult
Classificação: 4 estrelas 
 
Sinopse: Meu nome é Cade Winston. Aluno de mestrado em belas-artes, voluntário, abraçador de mães e seu namorado pelas próximas vinte e quatro horas. Prazer em conhecê-la.
Com seus cabelos cloridos, tatuagens e um namorado que combina com tudo isso, Max tem exatamente o estilo que seus pais mais desprezam… E eles nem sonham que a filha vive assim.
Ela fica em apuros quando seus pais a visitam na faculdade e exigem conhecer o futuro genro. A solução que Max encontra para não ser desmascarada é pedir para um desconhecido se passar por seu namorado. Para Cade, a proposta veio em boa hora: é a chance que ele esperava para acabar com a sua fama de bom moço, que até hoje só serviu para atrapalhar sua vida.
Um faz de conta com data marcada para terminar… E um casal por quem a gente vai adorar torcer. Fingindo vai seduzir você.

 

“Vou lembrá-la todos os dias de como é bom ter seu corpo ao encontro do meu. Vou lembrá-la dos bons tempos e vou ajudá-la a esquecer o que foi ruim. Vou lembrá-la de quem você é quando a vida colocá-la pra baixo e fazê-la duvidar. Vou aparecer na sua porta no meio da noite e beijá-la até que você se lembre de que seus medos são apenas medos e que eles não vão controlar você. Vou apostar contra o seu coração inconstante se ele for meu.”

 

Fingindo foi uma surpresa mais do que agradável, posso até dizer que foi apaixonante em alguns aspectos. Fofo, hilário, sedutor… este livro tem tudo o que é necessário para te conquistar.
Aqui vemos a história de Cade, após certa situação vivida em Perdendo-me. Ele narra como está sua vida após terminar a faculdade e ingressar em seu mestrado em Belas Artes. A verdade é que sua vida não estava tão bela e perfeita como ele havia imaginado que estaria a esse ponto, mas tudo muda quando sua vida é tirada dos eixos pelo furacão chamado Max.

Continue lendo

06mar • 15 jovem adulto, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Verus

Resenha #81 No Limite da Atração (Pushing the Limits #1)

Título: No Limite da Atração
Autor: Katie McGarry
Editora: Verus
Páginas: 364
Classificação: 5 estrelas

Compre o livro

Sinopse: “Ninguém sabe o que aconteceu na noite em que Echo Emerson, uma das garotas mais populares da escola, se transformou em uma “esquisita” cheia de cicatrizes nos braços e alvo preferencial de fofocas. Nem a própria Echo consegue se lembrar de toda a verdade sobre aquela noite terrível. Ela só gostaria que as coisas voltassem ao normal.
Quando Noah Hutchins, o cara lindo e solitário de jaqueta de couro, entra na vida de Echo, com sua atitude durona e sua surpreendente capacidade de compreendê-la, o mundo dela se modifica de maneiras que ela nunca poderia ter imaginado. Supostamente, eles não têm nada em comum. E, com os segredos que ambos escondem, ficar juntos vai se mostrar uma tarefa extremamente complicada.
Ainda assim, é impossível ignorar a atração entre eles. E Echo vai ter de se perguntar até onde é capaz de ir e o que está disposta a arriscar pelo único cara que pode ensiná-la a amar novamente.
No limite da atração é um livro sexy e envolvente sobre o amor de duas pessoas que estão perdidas e que juntas tentam desesperadamente se encontrar.”

Antes de ler essa resenha dê play na música, a experiência vai ser bem melhor 😉

A primeira vez que li esse livro foi em inglês e estava prestes a ser lançado aqui no Brasil – 2013 se não me engano. As reações que tive durante a leitura foram extremas, sinceramente eu tive muita vontade de entrar no livro e agredir alguns personagens, eu simplesmente não conseguia suportar a forma como eles agiam! Sim, foi tenso…
Passado algum tempo eu adquiri a versão traduzida que ficou na minha estante por um longo tempo até que bateu a saudade e resolvi conferir a tradução.

Continue lendo

03mar • 15 Adaptação, resenha, Verus

Resenha #80 O Diário Secreto de Lizzie Bennet

Título: O Diário Secreto de Lizzie Bennet
Autor: Bernie Su e Kate Rorick
Editora: Verus
Ano: 2014
Páginas: 364
Classificação: 4 estrelas
Sinopse: “O Diário Secreto de Lizzie Bennet – Uma adaptação moderna de Orgulho e Preconceito, baseada na série The Lizzie Bennet Diaries.
Lizzie Bennet é uma jovem estudante de comunicação que resolve fazer um vlog como projeto para a faculdade, postando vídeos em que reflete sobre sua vida e a de suas irmãs. Quando dois amigos ricos e charmosos chegam à cidade, as coisas começam a ficar mais interessantes para as irmãs Bennet – e para os seguidores de Lizzie na internet.
De repente, Lizzie – que sempre se considerou uma garota bastante normal – se torna uma figura pública. Mas nem tudo acontece diante das câmeras. E, felizmente para nós, ela escreve um diário secreto…
Com reviravoltas que vão deliciar os fãs de Jane Austen, assim como novos leitores, “O diário secreto de Lizzie Bennet” expande o fenômeno da série de web que encantou quase dois milhões de espectadores e faz uma releitura inédita de “Orgulho e Preconceito”.”




Tem fãs de Jane Austen nesse blog?

EU!

Eu adoro Jane Austen e Orgulho & Preconceito é um queridinho para a vida toda! Mr. Darcy é o sonho de consumo de 8 a cada 10 leitoras fãs de Austen (sim, eu inventei essa estatística rs), mas como boa fã eu fiquei encantada quando soube de uma adaptação moderna do clássico O&P e assim que comprei passei ele na frente de muitos livros porque a curiosidade me consumia! E foi assim que O Diário Secreto de Lizzie Bennet chegou a minha estante…

Continue lendo

16jan • 15 Outros

Resenha #74 Mar de Rosas (Quarteto de Noivas #2)

Título: Mar de Rosas
Autor: Nora Roberts
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Gênero: Romance
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: “Emma Grant é a decoradora da Votos, empresa de organização de casamentos que fundou com suas três melhores amigas de infância – Mac, Parker e Laurel. Ela passa os dias cercada de flores, imersa em seu aroma, criando e montando arranjos e buquês. 
Criada em uma família tradicional e muito unida, Emma cresceu ouvindo a história de amor dos pais. Não é de espantar que tenha se tornado uma romântica inveterada, cultivando um sonho desde menina: dançar no jardim, sob a luz do luar, com seu verdadeiro amor. 
Os pais de Jack se separaram quando ele era garoto, e isso lhe causou um trauma muito profundo. Ele se tornou um homem bonito e popular entre as mulheres, porém incapaz de assumir um compromisso. 
Quando Emma e suas três amigas fundaram a Votos, foi Jack, o melhor amigo do irmão de Parker, quem cuidou de toda a reforma para transformar a propriedade no melhor espaço para casamentos do estado.”

Chegamos ao segundo livro da série Quarteto de Noivas da diva Nora Roberts. Nessa série conhecemos as histórias das amigas Mac, protagonista do primeiro livro “Álbum de Casamento” e você pode conferir a resenha dele aqui, Laurel que contará sua história no livro 3 “Bem-casados”, Parker que fecha o quarteto com o livro “Felizes Para Sempre” e por fim Emma que é a protagonista de “Mar de Rosas”.

Continue lendo

16dez • 14 literatura estrangeira, new adult

Resenha #68 Bright Side

Título: Bright Side
Autor: Kim Holden
Editora: Do Epic LLC
Páginas: 383
Classificação: 6 estrelas

Sinopse: Segredos.

Todo mundo tem um.
Alguns maiores que outros.
E quando eles são revelados,
Alguns irão curá-lo…
E alguns irão destruí-lo.
 
A vida de Kate Sedgwick’s não foi nada típica. Ela suportou dificuldades e tragédia, mas em meio a tudo isso ela permanece feliz e otimista (o motivo pelo qual seu melhor amigo Gus a chama de Bright Side – alguém que escolhe ver apenas o lado bom das coisas). Kate tem personalidade forte, é engraçada, esperta, e possui um dom musical. Ela também nunca acreditou no amor. Então quando ela deixa San Diego para frequentar a universidade da pequena cidade de Grant, no estado de Minessota, a última coisa que ela esperava era se apaixonar por Keller Banks. 
 
Os dois sentem isso.
Mas ambos possuem razões para lutar contra.
Ambos têm um segredo.
E quando eles são revelados,
Alguns irão curá-lo…
E alguns irão destruí-lo.

 

“Ela é o exemplo da positividade. Ela é um raio de sol. 
Ela não apenas olha o lado bom das coisas… ela vive lá.”

 

Eu sei que a maioria das minhas resenhas começa com “eu não sei o que falar”, mas eu realmente não sei o que falar de Bright Side. Sabe aquela história que te destrói e te deixa em caquinhos e ao mesmo tempo te reconstrói e faz tudo ficar bem? Assim é Bright Side.
O livro conta a história de Kate, uma personagem que irá te cativar sem dúvida nenhuma. Kate é uma mulher decidida, engraçada, linda, descolada, divertida, amiga pra todas as horas e apaixonada pela vida. Ela acredita que devemos viver no presente e que, apesar das dificuldades, a vida é muito bela e deve ser aproveitada.

Continue lendo

10dez • 14 lançamento, literatura estrangeira, new adult

Resenha #67 Nocte

Título: Nocte
Autor: Courtney Cole
Editora: Lakehouse Press, Inc.
Páginas: 277 páginas
Classificação: 5 estrelas

Sinopse: Salva-me e salvarei a ti… Meu nome é Calla Price. Tenho 18 anos, e sou a metade de um inteiro. Minha outra metade — meu irmão gêmeo, meu Finn – é louco. Eu o amo. Mais que a vida, mais que tudo. E mesmo estando apavorada por achar que ele me fará cair junto com ele, ninguém pode salvá-lo além de mim. Estou fazendo tudo que posso para ficar na superfície em um mar de insanidade, mas estou me afogando mais a cada dia. Então eu busco algo em que me segurar. Dare Dubray. Ele é meu salvador e meu anti-cristo. Seus braços é onde me sinto segura, onde tenho medo, onde eu pertenço, onde me sinto perdida. Ele irá me curar e me quebrar, me amar e me odiar. Ele tem o poder de me destruir. Talvez isso seja o certo. Porque eu não consigo salvar Finn e amar Dare sem que todos se machuquem. Por que? Por causa de um segredo. Um segredo que eu tenho tentado tanto descobrir que nem percebi quando ele já estava em minha frente. Você também não irá perceber.

 

“Serva me. Servabo te.
Save me and I will save you.
Salva-me e salvarei a ti.”
“De noite sou livre
Ninguém escuta meus monstros além de mim
Minha liberdade é frágil
Pois a cada manhã,
de novo e de novo,
A noite é interrompida
pelo sol.
É uma boa maneira para morrer.”
 
“Não há nada tão assustador 
como a descida da mente humana para a insanidade.”
 
“Segredos; todo mundo os tem.”

O MUNDO PRECISA LER ESSE LIVRO!

Já se passaram várias horas após o término deste livro, mas eu ainda não consigo encontrar as palavras certas para explicar essa história. De uma coisa tenho certeza: este livro irá te deixar completamente sem chão. Ele irá mexer com sua mente, com seus sentimentos. Irá lhe pregar peças, te oferecer pistas que não servem de nada, tudo para que você nunca descubra seu principal segredo.

Continue lendo

13nov • 14 resenha, Verus

Resenha #64 Um Amor de Cinema

Título: Um Amor de Cinema
Autor: Victoria Van Tiem
Editora: Verus
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: “Neste irresistível romance, Kenzi Shaw, uma designer fanática por filmes, é lançada nas águas turbulentas do amor — ao estilo de Hollywood — quando seu lindo ex-namorado lhe propõe uma série de desafios relacionados a comédias românticas para reconquistar seu coração. Que garota não gostaria de vivenciar a cena das compras de Uma linda mulher? É o desafio número dois da lista. Ou tentar fazer os passos de dança de Dirty dancing? É o número cinco. Uma lista, dez momentos românticos de filmes e várias aventuras depois, Kenzi se pergunta: ela deve se casar com o homem que sua família adora ou arriscar tudo por um amor de cinema?”

Esse livro causou um burburinho por aí, vi muita gente comentando e a editora fez um marketing interessante, eu curiosa como sou corri para ler. Bom, eu juro que pensava que esse livro era uma coisa e acabou sendo outra rsrs

Vou ser bem sincera com vocês nessa resenha e segurar os spoilers. 😉

Vamos ao livro!

Continue lendo

19set • 14 mistério, new adult, resenha, Suspense

Resenha #57 Get Bent (Hard Rock Roots #2)

Título: Get Bent (Hard Rock Roots #2)
Autor: C. M. Stunich
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: Naomi Knox está sumida.
E eu nem p*rra sei se ela está viva.
O que eu sei é que ela é o ar que eu preciso respirar.
Ela é a minha redenção, um fogo que consome e que arde em meu sangue.
E eu vou fazer de tudo para encontrá-la. Qualquer coisa. Mesmo que isso signifique o fim para mim.

***
Turner Campbell está me procurando.
Mas ele não tem a p*rra de ideia o que é que ele está procurando.
Há escuridão ao redor e segredos suficientes para sufocar.
Há anjos e há demônios. É impossível destingui – los .
Luz precisa brilhar sobre a verdade, mas não há ninguém para segurar a tocha. A linha entre a vida e a morte é turva e os jogadores estão completamente enraizados no jogo. A pergunta é: eu ainda sou um deles?

Galera, que final foi aquele do primeiro livro?! Eu fiquei alucinada! A pergunta era: Naomi morreu? O que aconteceu naquele ônibus? Que loucura é essa que ta acontecendo?!

Muitas perguntas e eu ansiosa por respostas, comecei imediatamente o segundo livro.

Continue lendo

17set • 14 mistério, new adult, resenha

Resenha #56 Real Ugly (Hard Rock Roots #1)

Título: Real Ugly
Autor: C. M. Stunich
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: Turner Campbell é um cretino. Eu o odeio. Mas eu não posso ter o suficiente dele. Ele canta como um anjo e f*de como um demônio. Se pudesse, eu ia fugir e nunca olhar para trás, porque, para dizer a verdade, eu acho que este homem poderia ser a minha morte.
***
Naomi Knox é uma cadela. Eu não posso suportá-la merda. Mas eu não consigo parar de pensar nela também. Ela se parece com um anjo e joga como um demônio. Se pudesse, eu teria uma boa f*da e esquecer tudo sobre ela, mas para dizer a verdade, eu acho que essa mulher poderia ser minha última graça salvadora.




Real Ugly foi uma grata surpresa!

Nesses últimos dias, eu tenho lido uma variedade enorme de New Adults e confesso estar um pouco enjoada daquela fórmulazinha básica de: cara mulherengo + garota inocente = felizes para sempre. Não estou dizendo que essa forma clichê de escrever é ruim (eu gosto do clichê), mas nem todo clichê dá certo, principalmente quando se fecha um livro, começa outro e o novo parece uma repetição do primeiro. Sim, tá rolando um momento desabafo #sorry.

Mas vamos falar de Real Ugly que é o motivo de vocês terem clicado nessa resenha.

Continue lendo

17ago • 14 especial, Sobre Primeiros Beijos

#1 Sobre Primeiros Beijos…

Hey galera, olha a coluna nova chegando no GeL o/

A Sobre Primeiros Beijos surgiu inicialmente com a proposta de ser um mega post especial aqui no blog sobre primeiros beijos (por isso o nome e por falta de criatividade, sorry rs). Então comecei a montar uma coletânea de primeiros beijos literários – independente da beleza da cena, só precisava ser o primeiro beijo, porém estava ficando MUITO grande e a Michelli deu a ideia de criar essa coluna, então voilà, aqui estamos com a primeira edição da SPB o/

Muitos podem se perguntar porque escolhi falar/separar/catar primeiros beijos pelos meus livros. A resposta é simples, eu acredito que não haja nada semelhante ao primeiro beijo de um casal – independente deles ficarem juntos no final ou não… por isso resolvi reunir essas cenas porque elas merecem ser destacadas!

A cada post vou colocar cinco quotes de primeiros beijos e espero que vocês apreciem 😉

play na música e entre no clima de romance…

.
.
.

“E Alexander não aguentava mais. Curvou-se perto de seu rosto e a beijou. Como ele imaginara, os lábios de Tatiana eram macios, jovens e cheios. Tremia o corpo inteiro de Tatiana enquanto ela o beijava com tamanha ternura, tamanha paixão, tamanha carência, que Alexander, sem querer, deu um pequeno gemido. Ele estava aturdido pelas mãos de Tatiana, que puxavam sua cabeça e não a soltavam.”



Tatiana e Alexander – O Cavaleiro de Bronze

Continue lendo

11ago • 14 Atria Books, book, Colleen Hoover, internacional, lançamento, new adult

Resenha #48 Ugly Love

Título: Ugly Love
Autor: Colleen Hoover
Editora: Atria Books
Estrelas: 5
Compre: EN – http://amzn.to/2nmi9vM / PT – http://amzn.to/2nmlpY1

Sinopse: Quando Tate Collins conhece o piloto Miles Archer, ela sabe que não é amor à primeira vista. Eles nem iriam tão longe para dizer que eram amigos. A única coisa que Tate e Miles têm em comum, é essa inegável atração. Uma vez que seus desejos são descobertos, eles percebem que eles têm um arranjo perfeito. Esse arranjo pode ser surpreendentemente simples, contanto que Tate se atenha às duas únicas regras de Miles.


Nunca pergunte sobre o passado.
Não espere um futuro.

Eles acreditam que podem lidar com isso, mas percebem, quase imediatamente, que isso não será possível.

Corações são infiltrados.
Promessas são quebradas.
Regras são despedaçadas.
O amor se torna feio.

 

“O amor nem sempre é belo, Tate. Às vezes, você passa todo o seu tempo 
esperando que ele será, eventualmente, algo diferente. Algo melhor. 
Então, antes que você se dê conta, você está de volta ao ponto de partida, 
e você perdeu seu coração em algum lugar pelo caminho.”
Não sei como ela consegue, meus amigos, mas Colleen Hoover conseguiu outra vez. Este livro é completamente diferente de todos que eu já li dela, e acredite, ela realmente sabe inovar. Eu li, em uma resenha, que talvez ela fique o tempo toda trancada em seu esconderijo, planejando como despedaçar seu coração e fazer você ser completamente vulnerável a cada palavrinha escrita em seus livros. Pois bem, acredito nessa teoria, pois ela me fez ficar agarrada ao kindle em várias partes.

Continue lendo

09ago • 14 intrínseca, lançamento, resenha

Resenha #47 Não Se Apega, Não

Título: Não se Apega, não.
Autor: Isabela Freitas
Editora: Intrínseca 
Ano: 2014
Páginas: 256
Classificação: 1,5 estrelas

Sinopse: “Tudo começa com um ponto-final: a decisão de terminar um namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal PER-FEI-TO! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor-próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.

Parece fácil, mas atrapalhada do jeito que é, Isabela precisa primeiro lidar com o assédio de um primo gostosão, das tentações da balada e, principalmente, entender que o príncipe encantado é artigo em falta no mercado.
Isabela Freitas, em seu primeiro livro, narra os percalços vividos por sua personagem para encarar a vida e não se apegar ao que não presta, ainda assim, preservando seu lado romântico.”
“O desapego não é a indiferença, covardia ou desinteresse.
O desapego é se libertar de tudo aquilo que faz mal e causa sofrimento. 
Desapegar é sinônimo de se libertar. Soltar as algemas. 
Colocar asas. Se permitir voar novamente. 
O desapego é aceitação, é o desprendimento.”
Pág 221
A agitação da noite de autógrafos da autora somando-se à pressão do vendedor naquele dia do lançamento do livro, fez com que eu o comprasse.
Quando eu cheguei à livraria, com aquela algazarra sem saber exatamente o que estava acontecendo, vi um livro rosa fofo com as pessoas da fila mas não sabia do que se tratava, ao chegar no caixa, vi ali a pilha de livros e perguntei sobre o que era, o vendedor vendo a chance de faturar, vendeu seu peixe e eu fui lá e comprei.

Continue lendo

1 10 11 12 13