adulto

Resenha #218 Big Rock

Por Barbara em 03 maio • 2018

Categoria: Fantasia

18maio • 18 best book, desafio, Desafio das GeLs, Fantasia, literatura estrangeira, mistério, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #219 A Garota que Perseguiu a Lua

Título: A Garota que Perseguiu a Lua
Autor: Sarah Addison Allen
Páginas: 243
Editora: Planeta do Brasil
Gênero: Literatura Estrangeira, Romance
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Como você pode achar seu caminho? Seguindo as nuvens ou a lua? Emily Benedict foi para Mullaby após a morte de sua mãe. Ao chegar à cidade e conhecer seu avô ela percebe que os mistérios do lugar nunca são resolvidos: eles são uma forma de vida. Existem quartos cujo papel de parede muda de acordo com o seu humor, luzes estranhas aparecem no quintal à noite e Julia Winterson, a vizinha, consegue cozinhar a esperança em forma de bolos. Emily percebe que sua mãe esteve envolvida no maior mistério da cidade, e conta com a ajuda de Julia para desvendá-lo. Em Mullaby nada é o que parece.

 

Sabe aquelas pessoas que tem um abraço tão bom, mas tão bom que dá vontade de morar ali? Transfira esse sentimento para um livro e você vai entender quão bom é A Garota que Perseguiu a Lua.

Eu ganhei esse livro no natal de 2014 da Mi, como eu tinha gostado de O Pessegueiro, ela apostou que eu gostaria desse título que é da mesma autora. O tempo foi passando e o livro foi ficando na estante até que esse ano eu o escolhi como um dos livros para o desafio de 12 livros para 2018.

Agora em maio resolvi ler e não consegui parar.

Há uma promessa de felicidade por aí. Eu sei disso. Até sinto às vezes. Mas é como perseguir a lua: bem na hora em que você acha que a tem, ela some no horizonte.

Após a morte de sua mãe, Emily se muda para Mullaby, uma cidade da Carolina do Norte, para viver com o avô que até então não sabia que existia. Lá ela descobre que a cidade é cheia de peculiaridades, descobre ainda que sua mãe no passado, não era exatamente a melhor das pessoas.

Continue lendo

30abr • 18 Cassandra Clare, Fantasia, jovem adulto, literatura estrangeira, resenha, Shadowhunters

Resenha #217 Senhor das Sombras (Os Artifícios das Trevas #2)

Título: Senhor das Sombras
Série: Os Artifícios das Trevas
Volume: 2
Autor: Cassandra Clare
Páginas: 602
Editora: Galera Record
Gênero: Jovem Adulto, Fantasia, Literatura Estrangeira
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: A ensolarada Los Angeles pode ser um lugar sombrio na continuação de Dama da Meia-Noite, de Cassandra Clare. Emma Carstairs finalmente conseguiu vingar a morte dos pais e pensou que com isso estaria em paz. Mas se tem uma coisa que ela não encontrou foi tranquilidade. Dividida entre o amor que sente pelo seu parabatai Julian e a vontade de protegê-lo das graves consequências que um relacionamento entre os dois pode trazer, ela começa a namorar Mark Blackthorn, irmão de Julian. Mark, por sua vez, passou os últimos cinco anos preso no Reino das Fadas e não sabe se um dia voltará a ser o Caçador de Sombras que já foi. Como se não bastasse, as cortes das fadas estão em polvorosa. O Rei Unseelie está farto da Paz Fria e decidido a não mais ceder às exigências dos Nephlim. Presos entre as exigências das fadas e as leis da Clave, Emma, Julian e Mark devem encontrar um modo de proteger tudo aquilo que mais amam — juntos e antes que seja tarde.

Aviso: Contém spoiler do livro anterior.

Não pensei que fosse dizer isso em um futuro próximo, mas Cassandra Clare me decepcionou, e nessa resenha você vai conhecer os motivos.

Porém antes um breve resumo sobre a história.

Senhor das Sombras é a continuação de Dama da Meia-Noite, lá no primeiro livro começamos a acompanhar a saga do Blackthorne em Los Angeles e os eventos que culminaram na descoberta da traição do feiticeiro Malcolm Fade, e seus planos para trazer seu antigo amor de volta à vida.

Continue lendo

07mar • 18 Fantasia, Literatura Nacional, parceria, resenha

Resenha #212 Querubins – A Rebelião da Luz #3

Título: Querubins – A Rebelião da Luz
Autor: Martha Ricas
Editora: PenDragon
Páginas: 230
Gênero: Fantasia
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Rebeliões são perigosas, letais e incontroláveis. Elas revelam a verdadeira natureza daqueles que participam e dos que se opõem ao levante. Porém, uma vez iniciado, um conflito sempre divide lados e implica em escolhas.

Conheça mais sobre a guerra que derrubou os anjos do céu e entre na batalha interna travada por uma garota que desistiu de sua vida.
Salatiel é um querubim guerreiro tido em grandes honrarias, garantindo para si o título de Dourado. Contudo, suas habilidades em batalha aliadas ao intelecto criterioso acabam chamando a atenção de um dos querubins mais respeitáveis do Céu: Lúcifer. Forçado a ser treinado pelo obscuro mestre, Salatiel acaba deparando-se com opções que podem selar seu destino pela eternidade.

Hana Toshida é uma jovem cujas decisões a levaram ao que, para ela, é o fim da linha. Sem motivos para continuar vivendo, a garota leva seus dias pensando em quanto sua morte não faria diferença para ninguém além dela mesma. Até que um estranho vizinho cruza seu caminho com uma história para contar.

Querubins – A rebelião da luz é uma aventura épica dividida entre o Céu e a Terra, onde palavras ferem tanto quanto espadas e pensamentos conduzem a caminhos sem volta. Passeie pelos quarteis dos querubins, conheça a biblioteca do Pavilhão de Luz, ande pelas ruas da Tóquio contemporânea.

Entretanto, nunca se esqueça: estamos em guerra. Qual lado você escolherá? A vida humana ainda teria algum valor?​

 

Literatura nacional na área galera!!!
A Rebelião da Luz é o terceiro livro da série Querubins da nossa autora parceira Martha Ricas, e é definitivamente o melhor livro escrito pela Martha, e vou explicar os motivos.

Mas antes, um breve resumo sobre a história.

Continue lendo

29jan • 18 Fantasia, jovem adulto, resenha, Seguinte

Resenha #210 A Melodia Feroz (Monstros da Violência #1)

Título: A Melodia Feroz
Série: Monstros da Violência
Ordem: 1
Autor: Victoria Schwab
Editora: Seguinte
Gênero: Fantasia/Jovem Adulto
Páginas: 384
Ano: 2017
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Kate Harker e August Flynn vivem em lados opostos de uma cidade dividida entre Norte e Sul, onde a violência começou a gerar monstros de verdade. Eles são filhos dos líderes desses territórios inimigos e seus objetivos não poderiam ser mais diferentes. Kate sonha em ser tão cruel e impiedosa quanto o pai, que deixa os monstros livres e vende proteção aos humanos. August também quer ser como seu pai: um homem bondoso que defende os inocentes. O problema é que ele é um dos monstros, capaz de roubar a alma das vítimas com apenas uma nota musical. Quando Kate volta à cidade depois de um longo período, August recebe a missão de ficar de olho nela, disfarçado de um garoto comum. Não vai ser fácil para ele esconder sua verdadeira identidade, ainda mais quando uma revolução entre os monstros está prestes a eclodir, obrigando os dois a se unir para conseguir sobreviver.

 

“Monstro grandes e pequenos, cadê?
Eles virão para comer você.
Corsais, corsais, dentes e garras,
Sombras e ossos abrirão as bocarras.
Malchais, malchais, cadavéricos e sagazes,
Bebem seu sangue com mordidas vorazes.
Sunais, sunais, olhos de carvão,
Com uma melodia sua alma sugarão.
Monstros grandes e pequenos, cadê?
Eles virão para comer você!”

 

Primeiro livro lido e finalizado em 2018 \o/

A Melodia Feroz foi um livro que me deixou encucada só por causa desse título, é forte né? E música e literatura é uma perfeição só, então acabei comprando e esse foi o primeiro livro escolhido para eu ler no desafio dos 12 livros para 2018.

A história é sobre uma cidade chamada Veracidade, por causa do grande número de violência e maldade, aquilo que só existia nos sonhos e imaginação tomou vida. Sim, dos crimes mais cruéis e violentos nasceram três espécies de monstros. Os Corsais surgiram dos crimes que não envolvem mortes, os Malchais, dos assassinatos e os Sunais, os mais raros dos monstros – só existem três – que se originaram de grandes massacres.

Continue lendo

15jan • 18 best, best book, Fantasia, jovem adulto, literatura estrangeira, mistério, new adult, Romance

O Melhores de 2017 #Top3

Chegou o momento de elegermos os melhores de 2017, então se liga aí no top 3 das nossas melhores leituras do ano!

 

 

1. Estrela da Manhã

Esse livro, essa trilogia… é simplesmente sensacional! Eu lia e surtava a cada página e novo acontecimento, é uma trilogia que você definitivamente precisa dar um chance. Quer emoção? Então leia a trilogia Red Rising. Ah, tem resenha dos três livros aqui no blog. Clica no link aí confere.

2. Uma Tocha na Escuridão

Esse livro está aqui por motivos de Helene Aquilla. Sério, eu lia os caps dela e só queria aplaudir de pé, amo com força! Também tem resenha e você precisa ler e conhecer a série Uma Chama Entre as Cinzas.

Continue lendo

Garotas Livros
GeL
01dez • 17 distopia, Fantasia, ficção científica, Globo Alt

Resenha #207 Filho Dourado (Red Rising #2)

Título: Filho Dourado
Série: Red Rising
Ordem: 2
Autor: Pierce Brown
Editora: Globo Alt
Gênero: Sci-Fi/Distopia/Fantasia/Ficção Científica
Páginas: 549
Ano: 2015
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Segundo volume da Trilogia Red Rising coloca Darrow diante de novos inimigos em sua luta contra a sociedade.
A esperada sequência de Fúria Vermelha põe novos adversários e desafios terríveis no caminho de Darrow. Dois anos após a conclusão do Instituto, o jovem descobrirá que se infiltrar na elite da sociedade e destruí-la por dentro será mais difícil do que parece. Sua primeira vitória atraiu novos inimigos que usam a intriga e a política em vez das armas. E ele terá que aprender a combatê-los.
O jovem que se uniu aos Filhos de Ares para destruir sociedade de castas que colonizou Marte e escravizou seu povo sobreviveu a batalhas sangrentas, mas terá outras pela frente. Darrow descobre que para viver entre os Ouros não basta ser um grande guerreiro ou estrategista, é essencial sobreviver ao jogo político dos governantes.
Com sua reputação ameaçada, a inimizade declarada da Família Bellona e afastado de seus amigos, Darrow se vê sua vida depender de alianças improváveis. Os Filhos de Ares passam a realizar ataques violentos e se tornam um problema para os Ouros. A luta para destruir a sociedade se torna ainda mais sangrenta e o Ceifeiro precisa lidar com escolhas difíceis, o ódio por ter seu povo escravizado e o desejo de vingança contra os que destruíram o que ele mais amava.
Pierce Brown criou um universo fascinante que mistura viagens espaciais, colônias interplanetárias e alta tecnologia com a mitologia grega. O primeiro livro da trilogia, Fúria Vermelha, será adaptado para o cinema por Marc Forster, diretor de Guerra mundial Z.

 

Quer treta?
É treta mesmo o que vocês querem?
Então meus queridos, venham comigo porque esse livro tem treta, traição, tiro, porrada, bomba, guerra e muito mais!!

Filho Dourado é literalmente a eletrizante sequência de Fúria Vermelha. O livro começa dois anos após os eventos de Fúria, Darrow agora é um pretor na fase final de seu treinamento na academia. Pertencendo a casa Augustus, alguns eventos levam Darrow da glória à derrocada em questões de minutos, agora sua honra e o futuro de seu plano para libertar as Cores está prestes a ruir.

Continue lendo

22ago • 17 Fantasia, lançamento, Literatura Nacional

Resenha #199 Mundos Paralelos – A Ponte + Entrevista e Sorteio

Título: Mundos Paralelos – A Ponte
Autor: Rosana Ouriques
Editora: Editora Insular
Gênero: Fantasia
Páginas: 226
Ano: 2017
Classificação: 3 estrelas

Sinopse: Desde que o deus Uno se dividiu e se despedaçou, os mundos superior e inferior e seus respectivos seres lutavam para sobressaírem-se, obtendo o domínio dos mundos paralelos. Os que eram essencialmente bons queriam que o bem dominasse; os que eram essencialmente maus queriam que o mal reinasse, mas não era assim que deveria acontecer. Para que o equilíbrio fosse restaurado, tanto o bem quanto o mal eram necessários. A dualidade existia para que a harmonia fosse alcançada. O deus Uno havia se fragmentado para que cada partícula de sua essência pudesse alcançar o conhecimento e assim, evoluir. Na verdade não existiam opostos, apenas intensidades diferentes. O bem é tão somente o mal em sua menor intensidade; e o mal é igualmente o bem em seu menor grau, mas um não pode existir sem o outro. Ambos nasceram de uma mesma fonte. Ambos possuem a essência um do outro. Ambos são um.

 

Olá meu povo, como estão?
A resenha da vez é de um livro nacional, quem nos acompanha aqui no blog sabe o quanto amamos falar e dar visibilidade para autores nacionais e dessa vez, lhes apresento Mundos Paralelos – A ponte, primeiro livro da série Mundos Paralelos.
Em A Ponte conhecemos Angak, uma jovem muito curiosa, que deseja expandir seus conhecimentos sobre os deuses, sobre o mundo e si própria. Porém esse desejo não é tão simples de se obter, primeiro porque os Anciões detêm para si a principal fonte de estudo que só poderia ser acessada no período certo do ano e de acordo com as cerimônias. Mas isso não impede nossa protagonista de ir atrás do que quer.

Continue lendo

30jun • 17 distopia, Fantasia, Verus

Resenha #192 Uma Tocha na Escuridão

Título: Uma Tocha na Escuridão
Autor: Sabaa Tahir
Série: Uma Chama entre as Cinzas
Ordem: 2
Editora: Verus
Páginas: 434
Ano: 2017
Gênero: Fantasia, Distopia, Romance
Classificação: 5 estrelas
Compre o Livro

Sinopse: O segundo livro da história épica e eletrizante sobre liberdade, coragem e esperança. Ambientado em um mundo brutal inspirado na Roma Antiga, “Uma Chama Entre as Cinzas” contou a história de Laia, uma escrava lutando por sua família, e Elias, um soldado lutando pela liberdade. Agora, em “Uma Tocha Na Escuridão”, ambos estão em fuga, lutando pela vida. Após os eventos da quarta Eliminatória, os soldados marciais saem à caça de Laia e Elias enquanto eles escapam de Serra e partem numa arriscada jornada pelo coração do Império. Laia está determinada a invadir Kauf, a prisão mais segura e perigosa do Império, para salvar seu irmão, cujo conhecimento do aço sérrico é a chave para o futuro dos Eruditos. E Elias está determinado a ficar ao lado dela – mesmo que isso signifique abrir mão da própria liberdade. Mas forças sombrias, tanto humanas quanto sobrenaturais, estão trabalhando contra eles. Elias e Laia terão de lutar a cada passo do caminho se quiserem derrotar seus inimigos: o sanguinário imperador Marcus, a cruel comandante, o sádico diretor de Kauf e, o mais doloroso de todos, Helene – a ex-melhor amiga de Elias e nova Águia de Sangue do Império. A missão de Helene é terrível, porém clara: encontrar o traidor Elias Veturius e a escrava erudita que o ajudou a escapar… e acabar com os dois. Mas como matar alguém que você ama desesperadamente?

Que livro! Que livro! Que livro!!! O melhor de 2017 até o momento meus caros!

Sabaa Tahir não deixou a peteca cair e nos presenteou com uma continuação ainda mais emocionante do que a aventura que foi o primeiro livro. Sim, as expectativas estavam nas nuvens, eu contava os dias para o lançamento de Um Tocha e tive um leve surto quando comprei meu exemplar rsrs, mas valeu a pena a espera e vou explicar melhor agora!

Continue lendo

23jun • 17 Fantasia, Globo Alt, lançamento, resenha

Resenha #191 Três Coroas Negras

Título: Três Coroas Negras
Autor: Kendare Blake
Série: Três Coroas Negras
Ordem: 1
Editora: Globo Alt
Páginas: 304
Ano: 2017
Gênero: Fantasia
Classificação: 3 estrelas


Sinopse: Três herdeiras da coroa, cada uma com um poder mágico especial. Mirabella é uma elemental, capaz de produzir chamas e tempestades com um estalar de dedos. Katharine é uma envenenadora, com o poder de manipular os venenos mais mortais. E Arsinoe é uma naturalista, que tem a capacidade de fazer florescer a rosa mais vermelha e também controlar o mais feroz dos leões.
Mas para coroar-se rainha, não basta ter nascido na família real. Cada irmã deve lutar por esse posto, no que não é apenas um jogo de ganhar ou perder: é uma batalha de vida ou morte. Na noite em que completam dezesseis anos, a batalha começa.

Nesta história conhecemos Katherine, Arsinoe e Mirabella, três irmãs que nasceram para reinar, mas que só poderão fazer isso sozinhas. Elas devem disputar a coroa, literalmente, até a morte e, durante toda a sua existência, foram preparadas para serem mortais e não demonstrarem misericórdia.

Continue lendo

05maio • 17 Fantasia

Resenha #187 O Ninho Envenenado (As Crônicas do Amanhecer #1)

Título: O Ninho Envenenado
Série: As Crônicas do Amanhecer
Ordem: 1
Autor: R. Silva
Editora: Independente
Gênero: Fantasia
Páginas: 212
Ano: 2017
Classificação: 4 estrelas


Sinopse: Após séculos de paz, uma traição traz caos ao Império. A divisão da dinastia dos Scliros inicia uma guerra por poder, vingança e riqueza, da qual nem todos sairão vivos.

Estamos de volta!
Sentiram nossa falta? Eu sei que sim rsrsrs.
Resenha nova e tripla na área! Se você é antigo por aqui, já conhece as regras, mas se é sua primeira experiência com nossas resenhas triplas, vou explicar: Roxo é a minha cor (Ba), Vermelho são palavras da Mi e Pink da Ra. Aproveite a leitura e não deixe de comentar ao final 😉

Update: A capa foi alterada, então nossas críticas na resenha se referem a anterior.

Hey galera!

É provável que você nunca tenha ouvido falar desse livro, mas prepare-se, um novo nome da fantasia nacional está nascendo! Se você é fã de Game of Thrones, literatura fantástica com cavaleiros, lordes, guerras, traições e personagens badass… então você precisa conhecer O Ninho Envenenado. – Barbara

BRILHANTE! Nem sei por onde começar. Há muito tempo que não leio um livro nacional com um conteúdo tão genuinamente bom. Original? Do meu ponto de vista, sim. É fato que algumas partes lembrarão A Guerra dos Tronos, mas o rumo da história é outro. E neste caso, dizer que a escrita lembra Martin é com a melhor das intenções. – Raquel

 

Foi a Ba, uma das Gels, que veio me falar desse livro, uma fantasia épica nacional. Ok! Bora ver qual é dessa história, acho até que nunca tinha lido um livro desse gênero de um autor nacional e não vou mentir mas minhas expectativas estavam bem baixas. – Michelli

Continue lendo

Garotas Livros
GeL
03fev • 17 Fantasia, resenha, Rocco

Resenha #181 Gata Branca (Mestres da Maldição #1)

Título: Gata Branca
Série: Mestres da Maldição 1
Autor: Holly Black
Editora: Rocco
Páginas: 360
Gênero: Literatura Estrangeira / Fantasia / YA
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Cassel vem de uma família de mestres da maldição – pessoas que têm o poder de mudar emoções, memórias e destinos com o mais leve toque das mãos. Mas fazer isso é ilegal, o que significa que todos eles são criminosos. Exceto Cassel. Ele não tem o toque mágico, está de fora: é o único filho normal em uma família paranormal. O único detalhe é que matou sua melhor amiga.
Tentando fugir de seu terrível passado, Cassel faz de tudo para ser como os outros garotos. Uma noite, porém, tudo vai por água abaixo: depois de sonhar repetidas vezes com uma estranha gata branca, um ataque de sonambulismo o põe em perigo e ele começa a achar que seus irmãos estão escondendo mais do que alguns segredos.
Desconfiado de que não passa de uma pequena peça de um grande golpe, Cassel começa então a fazer uma busca em seu passado e em suas memórias, que parecem lhe fugir. Para desvendar os mistérios de sua vida, ele vai precisar armar um verdadeiro golpe de mestre.

 
“Magia. É apenas magia.”

Olá, olá! Como vocês estão?!

Gente, esse livro… juro que não sei porque demorei tanto para ler!!

Eu ganhei Gata Branca em 2014 e desde então estava parado na minha estante, com o Desafio das GeLs de 12 livros para 2017, o coloquei na lista e foi o primeiro que decidi ler por ser uma fantasia e se distanciar dos gêneros que eu estava lendo no momento. Juro para vocês que se soubesse que a leitura seria tão fluida, interessante e loucamente genial, já teria lido faz tempo!

Continue lendo

09nov • 16 best book, distopia, Fantasia, resenha, Verus

Resenha #174 Uma Chama Entre As Cinzas (An Ember in the Ashes #1)

Título: Uma Chama Entre As Cinzas
Série: An Ember in the Ashes
Ordem: 1
Autor: Sabaa Tahir
Editora: Verus
Gênero: Distopia, Romance, Fantasia
Páginas: 432
Ano: 2015
Classificação: 5 estrelas
Compre o Livro

Sinopse: Laia é uma escrava. Elias é um soldado. Nenhum dos dois é livre. No Império Marcial, a resposta para o desacato é a morte. Aqueles que não dão o próprio sangue pelo imperador arriscam perder as pessoas que amam e tudo que lhes é mais caro. É neste mundo brutal que Laia vive com os avós e o irmão mais velho. Eles não desafiam o Império, pois já viram o que acontece com quem se atreve a isso. Mas, quando o irmão de Laia é preso acusado de traição, ela é forçada a tomar uma atitude. Em troca da ajuda de rebeldes que prometem resgatar seu irmão, ela vai arriscar a própria vida para agir como espiã dentro da academia militar do Império. Ali, Laia conhece Elias, o melhor soldado da academia — e, secretamente, o mais relutante. O que Elias mais quer é se libertar da tirania que vem sendo treinado para aplicar. Logo ele e Laia percebem que a vida de ambos está interligada — e que suas escolhas podem mudar para sempre o destino do próprio Império.

Melhor livro que li em 2016!

Acho que só por essa frase eu não precisaria dizer mais nada para te convencer a ler esse livro né?! Mas se isso ainda não te convenceu, vou explicar porque elegi UCEAC como o melhor que li em 2016. Então coloque sua máscara, afie sua cimitarra, vem comigo e se prepare para uma resenha apaixonada!

Uma Chama Entre As Cinzas foi um dos livros que ganhei de presente de aniversário esse ano. Eu tinha a sensação de que quando lesse iria adorar, mas toda vez que ia a livraria não achava o dito cujo… sim, estava sempre em falta. Mas assim que ganhei não perdi tempo e fui ler.

Sabe quando você começa a ler e sabe que vai querer postergar a leitura ao máximo para demorar bastante pra terminar? Foi isso o que eu fiz, apreciei com gosto Uma Chama… como a tempos não fazia com um livro

Continue lendo

1 2 3