Clichê

Resenha 459 Lugar Feliz

Por Barbara em 16 maio • 2024
16maio • 24 Clichê, drama, Emily Henry, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Verus

Resenha 459 Lugar Feliz

Compre aqui

Lugar feliz, mas não tanto assim…

Hey meus amores, tudo bem com vocês? Hoje vim comentar um pouco sobre a minha leitura de Lugar Feliz, bora para um resuminho?

O livro vai nos contar a história de Harriet, ela está indo encontrar os amigos de longa data em uma casa de praia onde tradicionalmente eles passavam as férias. A casa será vendida e essa é a última oportunidade de todos passarem um tempo juntos no lugar onde viveram tantos momentos bons, porém a vida mudou e eles já não são os jovens que se conheceram na faculdade, cada um tem suas vidas e responsabilidades, mas ainda sim estão se esforçando para se verem.

Continue lendo
25abr • 24 Conto, ficção científica, Literatura Americana, literatura estrangeira, Morro Branco, resenha, Ursula K Le Guin

Resenha 458 Aqueles que abandonam Omelas

Quer um conto pra explodir sua mente? Te apresento esse aqui.

A minha leitura foi puro incentivo de Michelli e sempre serei grata a você por isso, amiga kkk. Um conto que a gente lê tão rápido, mas que fica com a gente pra sempre. Vou fazer um resumo já colocando a minha opinião no meio e com o mínimo de spoilers possíveis, juro!

O conto vai nos apresentar Omelas, uma cidade que está prestes a iniciar um festival e onde todas as pessoas estão felizes e animada. Omelas parece ser perfeita, todos são amigos e não parece haver espaço para tristeza ou maldade, sabe aquele lugar onde logo se acha solução para os problemas e falhas da humanidade? Mas tudo tem um preço, e para a felicidade externamente emitida pela população de Omelas ele é bem alto, e todos em algum momento descobrem qual é.

Continue lendo
30mar • 24 12 livros para 2023, Bertrand Brasil, clássico, desafio, Ernest Hemingway, Ficção, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha 457 O Sol Também Se Levanta

Compre o Livro

Olá! Tudo bem com vocês?

Meu segundo Hemingway e como eu estava animada para ler esse livro, mas confesso que dei com os burros n’água rsrs. Eu gostei tanto da minha primeira experiência com o autor e imaginei que essa seria tão boa quanto, mas não foi bem assim.

Em seu livro de estreia, Hemingway nos apresenta o mundo das touradas. Jake é o personagem principal, um jornalista que vivia na Europa depois do período da segunda guerra onde ele sofreu um ferimento de guerra e isso o deixou com uma deficiência física não visível. A princípio ele está vivendo ali com seus amigos na França como um bon vivant, preso entre as confusões deles, muitas festas e bebida em excesso, até que chega o período das touradas e ele vai para a Espanha na companhia de alguns amigos e de Lady Brett, a mulher por quem ele nutre uma paixão e apesar da reciprocidade, a deficiência de Jake o impede de viver esse amor, fora que ela era uma mulher comprometida, não que isso fosse um grande impedimento para ela rs.

Continue lendo
21mar • 24 Ficção, Ken Follett, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, romance histórico, Sextante

Resenha 456 Queda de Gigantes

Compre o Livro

Senta que o papo por aqui vai ser longo rs.

E aí meu povo, tudo bom com vocês? Se a tua vibe é livros de ficção histórica, continue por aqui porque esse foi feito para você, sem sombra de dúvidas.

Ken Follet nos apresenta em sua trilogia O Século o período de guerras que mudou a humanidade, em Queda de Gigantes vamos ter um recorte histórico no período da Primeira Grande Guerra. O livro é dividido em partes e as principais vão mostrar o pré guerra, a guerra em si e o pós guerra, tudo isso seguindo personagens fictícios, afinal isso é um romance.

Continue lendo
19mar • 24 As Crônicas da Nárnia, Aventura, C S Lewis, clássico, Fantasia, Haper Collins Brasil, Infantojuvenil, Literatura irlandesa, resenha, Resenhas de Livros

Resenha 455 O Cavalo e seu Menino

Compre o Livro

O terceiro livro de Crônicas é um dos mais interessantes, lançado antes d’O Sobrinho do Mago, ele é o terceiro em ordem cronológica e o quinto em ordem de lançamento.

Minha ama, não se destrua, pois, se viver, ainda poderá alcançar o favor do destino; mas os mortos são iguais a todos os mortos.

A história se inicia num outro país, a Calormânia, se passando na Era de Ouro de Nárnia, ou seja, durante o reinado dos Pevensie como Reis e Rainhas de Nárnia. Há uma expansão do universo, antes tão detido nas Terras de Nárnia, conhecemos outro país, outros reinos e realidades.

Eu, que sei muitas coisas do presente – replicou o eremita com um sorriso -, pouco sei das coisas futuras. Por isso não sei se qualquer homem ou mulher ou animal, em todo o mundo, estará ainda vivo quando anoitecer hoje. Mas incline-se à esperança.

As inspirações para o povo da Calormânia são, evidentemente, os povos árabes e da África Setentrional, descritos como pessoas de pele acobreada, com vestes de linho, uso de cores fortes, construções abobadadas e com mosaicos, armados com cimitarras, porém, estamos falando de uma história narrada por um europeu do século XX, então a representação dos calormanos cai em alguns estereótipos, como crueldade, cobiça, traição e escravagismo. Ainda, sua religião politeísta possui um viés ruim, demandando sacrifícios em seu favor, de uma forma pejorativa. Apesar disso, são descritos como bons contadores de histórias e possuem uma sociedade “avançada”, baseada no livre comércio e expansão.

Continue lendo
22fev • 24 12 livros para 2023, Desafio das GeLs, Fantasia, jovem adulto, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Sabaa Tahir, Verus

Resenha 454 Um céu além da tempestade

E finalmente chegamos ao fim dessa série, cheia de altos e baixos e não sendo a minha favorita, mas que me surpreendeu com o final.

Eu comecei a ler a série Uma Chama Entre as Cinzas completamente fascinada com o universo e a trama que a Sabaa tinha criado, achei emocionante, envolvente e que tinha tudo para ser umas das minha favoritas da vida. O livro de estreia é sensacional, logo a gente se pega vivendo o mundo de Elias e Helene na academia, os desafios de Laia e encantados com os seres extraordinários que vão aparecendo, mas o fascínio acabou junto com o primeiro livro. As continuações me decepcionaram, mas ainda sim eu dei uma chance e segui com série e felizmente o último livro foi muito bom.

Aqui nós vamos ter os nossos protagonistas vivendo vidas separadas, cada um em uma missão e comprometidos a salvar a humanidade. Laia está em busca de uma forma para destruir o Portador da Noite, o grande vilão e que está tocando o terror na terra, claro que é uma tarefa bem complicada e ela vai estar a frente de um grupo disposto a ajudar nessa missão, afinal a vida de toda a humanidade depende deles.

Continue lendo
02fev • 24 Sobre Primeiros Beijos

Sobre Primeiros Beijos #24

A saudade que eu tava dessa coluna hein… A sobre primeiros beijos está de volta e eu espero que vocês amem tanto quanto eu. Solta o play e bora?!

“Ele segura minha cabeça e me beija. É rude. É errado. É a melhor coisa que aconteceu comigo em anos. Toque. Morro um pouco por dentro. Nenhuma necessidade jamais foi tão dolorosa, tão necessária. Flint aprofunda o beijo, me empurra contra uma mesa de metal coberta de plantas. Um vaso cai no chão. Todo seu corpo está colado ao meu, e ainda não é suficiente. Minha ansiedade seria mais constrangedora se eu não sentisse o desespero em seu corpo.” Ellen e Flint – Perfeito para o papel

“Sua boca se fecha sobre a minha, nossos lábios se encaixando perfeitamente, e sua mão desliza lentamente em volta da minha cintura, sua palma se espalhando nas minhas costas e me puxando para mais perto. É um beijo de conto de fadas. Ok, tudo bem, é um beijo de conto de fadas para maiores de 13 anos, com línguas, mãos, e muitos aplausos e gritos da multidão.” Gracie e Sebastian – To Sir With Love

Continue lendo
16jan • 24 As Crônicas da Nárnia, C S Lewis, clássico, Fantasia, Haper Collins Brasil, Infantojuvenil, literatura estrangeira, Literatura irlandesa, resenha, Resenhas de Livros

Resenha 453 O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa

Compre o Livro

O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa é o segundo e, talvez, mais importante livro da fantástica e épica saga escrita por Clives Staples Lewis também conhecido como C. S. Lewis.

Trata-se do primeiro livro lançado pelo autor dentro das terras de Nárnia e traz a chegada de Pedro, Susana, Edmundo e Lúcia a esse universo fantástico. Os personagens são os mais emblemáticos desse universo, sendo muito recorrentes nas histórias vindouras, mas um passo de cada vez.

Também o filme (eu falo muito da sétima arte, desculpa) me marcou muito quando mais jovem, mas o Volume Único da história me afastava (eu tenho minhas questões, estou me tratando), mas as novas edições individuais da Harper Collins Brasil me deram um novo ânimo.

Pois bem, O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa acompanha a chegada dos Pevensie numa Nárnia bem diferente da que deixamos em O Sobrinho do Mago, a terra de Aslam está num sempre inverno e nunca Natal há mais de cem anos, devido ao regime autoritário da Feiticeira Branca, sim, ela mesma que foi trazida à Nárnia por Polly e Digory. Aqui cabe dizer que O Sobrinho foi o penúltimo livro a ser lançado na ordem cronológica, justamente para tentar “explicar” algumas questões.

Continue lendo