Posts arquivados em: Mês: dezembro 2019

28dez • 19 12 livros para 2019, Desafio das GeLs, distopia, Globo Alt, Koushun Takami, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, thriller

Resenha #296 Battle Royale

Título: Battle Royale
Autor: Koushun Takami
Editora: Globo Alt
Páginas: 664
Ano: 2014
Gênero: Distopia/ Aventura/ Thriller/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Battle Royale é um thriller de alta octanagem sobre violência juvenil em um mundo distópico, além de ser um dos best-sellers japoneses e mais polêmico entre os romances. Como parte de um programa implacável pelo governo totalitário, os alunos do nono ano são levados para uma pequena ilha isolada e recebem um mapa, comida e várias armas. Forçados a usarem coleiras especiais, que explodem quando eles quebram uma regra, eles devem lutar entre si por três dias até que apenas um “vencedor” sobreviva. O jogo de eliminação se torna a principal atração televisiva de reality shows. Esse clássico japonês é uma alegoria potente do que significa ser jovem e sobreviver no mundo de hoje. O primeiro romance do jornalista Koushun Takami, tornou-se um filme ainda mais notório pelo diretor de 70 anos de idade, Kinji Fukusaku.

Distopia na área! Você é órfão de Jogos Vorazes, Divergente e semelhantes? Então essa resenha é para você. E mesmo que você não seja, leia porque esse livro vai te pegar.

No mundo criado por Koushun Takami, todos os anos uma turma do nono ano é escolhida aleatoriamente para participar do que é popularmente conhecido como “O Programa”. O Programa nada mais é que uma competição entre os alunos dessa classe. Eles são enviados para um local e lá são instruídos a matarem seus colegas. Chocados?

Muito surreal certo?!

Continue lendo
23dez • 19 12 livros para 2019, Aventura, best book, Desafio das GeLs, Fantasia, literatura estrangeira, Maggie Stiefvater, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Verus

Resenha #295 Os Garotos Corvos

Título: Os Garotos Corvos
Série: A Saga dos Corvos
Ordem: 1
Autor: Maggie Stiefvater
Editora: Verus
Gênero: Fantasia/ Aventura/ Jovem Adulto/ Literatura Estrangeira
Páginas: 376
Ano: 2013
Classificação: 5 estrelas
Compre o Livro
Sinopse: Todo ano, na véspera do Dia de São Marcos,­ Blue Sargent vai com sua mãe clarividente até uma igreja abandonada para ver os espíritos daqueles que vão morrer em breve. Blue nunca consegue vê-los — até este ano, quando um garoto emerge da escuridão e fala diretamente com ela.

Seu nome é Gansey, e ela logo descobre que ele é um estudante rico da Academia Aglionby, a escola particular da cidade. Mas Blue se impôs uma regra: ficar longe dos garotos da Aglionby. Conhecidos como garotos corvos, eles só podem significar encrenca.

Gansey tem tudo — dinheiro, boa aparência, amigos leais —, mas deseja muito mais. Ele está em uma missão com outros três garotos corvos: Adam, o aluno pobre que se ressente de toda a riqueza ao seu redor; Ronan, a alma perturbada que varia da raiva ao desespero; e Noah, o observador taciturno, que percebe muitas coisas, mas fala pouco.

Desde que se entende por gente, as médiuns da família dizem a Blue que, se ela beijar seu verdadeiro amor, ele morrerá. Mas ela não acredita no amor, por isso nunca pensou que isso seria um problema. Agora, conforme sua vida se torna cada vez mais ligada ao estranho mundo dos garotos corvos, ela não tem mais tanta certeza.

De Maggie Stiefvater, autora do aclamado A Corrida de Escorpião, esta é uma nova série fascinante,­ em que a inevitabilidade da morte e a natureza do amor nos levam a lugares nunca antes imaginados.

Que livro!
Que livro meus caros leitores!
Maggie, eu te amo e obrigada por escrever essa história!

Os Garotos Corvos… eu gostei tanto desse livro que é até um pouco difícil escrever sobre, mas tentarei.

O livro conta a história de Blue Sargent e como ela conheceu um grupo de rapazes e assim uma grande aventura começou. Nossa mocinha cresceu em uma família de videntes, mas ela é a única que não possui o dom. Ela consegue, na verdade, potencializar o dom das pessoas. A Blue é tipo um gerador de energia.

Na cidade onde ela vive, existe uma escola para rapazes que são conhecidos por Garotos Corvos por conta do símbolo em seus uniformes. São rapazes de famílias com muito dinheiro e Blue sempre foi aconselhada a manter distância deles. Porém seu destino reservava algo bem diferente.

Continue lendo
17dez • 19 comédia romantica, literatura estrangeira, new adult, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Whitney G

Resenha #294 Forget You, Ethan

Título: Forget You, Ethan
Série: Forget You, Ethan
Ordem: 1
Autor: Whitney G
Editora: WGW Books
Gênero: New Adult/ Romance/ Literatura Estrangeira
Páginas: 300
Ano: 2017
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: Eu sempre a odiei.

Ela sempre me odiou. Nunca fomos amigos, apenas o melhor dos inimigos…

Eu odeio Rachel Dawson desde os sete anos de idade. Minha vizinha e inimiga jurada número um, ela é a razão pela qual quase todas as nossas brigas de infância terminaram comigo incendiando algo dela. (Ou vice-versa.)

Ela me dedurou quando eu quebrei o toque de recolher.

Eu ri dela quando ela mentiu sobre ter um namorado.

Fomos indo e voltando assim durante o ensino médio, ambos prometendo nunca mais falar um com o outro quando fomos para a faculdade. Mas isso foi só até ela aparecer no meu apartamento durante o último ano e me pedir um lugar temporário para ficar.

Até que viver com ela dia após dia se tornou insuportável, e uma discussão apaixonada mudou tudo. Bem, quase tudo.

Eu sempre a odiei.

Ela sempre me odiou.

Não tenho certeza do que diabos está acontecendo, e não sei dizer se ainda somos “inimigos”…

New Adult para os fãs de New Adult!

Forget you, Ethan é um clichêzaço, comece a ler essa resenha ciente de que nada muito novo aparecerá, mas como boa fã de new adult, não poderia deixar de comentar minhas impressões sobre esse com vocês.

Bom, o livro conta a história de Rachel e Ethan, eles são aquele clássico casal que se conhece desde sempre, são vizinhos e se odeiam e vivem para se provocar. A Rachel é uma garota diferente, ela gosta de cultivar amizades através de cartas, mas o mundo moderno deixou as pessoas um tanto preguiçosas e não muito dispostas a responder através da escrita. Isso não desencoraja nossa mocinha, que tenta sempre criar novos laços por esse meio. Por sorte ela tem um correspondente fiel, Ethan.

Continue lendo
12dez • 19 Callie Hutton, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance de Época, romance histórico

Resenha #293 The Elusive Wife

Título: The Elusive Wife
Série: Marriage Mart Mayhem
Ordem: 1
Autor: Callie Hutton
Editora: Entangled Publishing
Gênero: Romance de época/ Romance histórico/ Literatura Estrangeira
Páginas: 250
Ano: 2018
Classificação: 3 estrelas
Compre o Livro

Sinopse: Jason Cavendish, o conde de Coventry, está tentando localizar discretamente a sua não desejada e esquiva esposa na sociedade de Londres para solicitar a anulação do seu casamento. Entretanto, não se lembra da sua aparência, já que estava muito bêbado em seu casamento arranjado e não a viu desde então.

A fascinante lady Olivia capturou a atenção do Conde. Recém-chegada do campo para ficar com sua amiga de escola para a temporada, está horrorizada ao descobrir que seu marido, lorde Coventry, nem sequer a reconhece. Ela toma a decisão de não dizer ao arrogante idiota que é sua esposa. Em contrapartida, paquera com ele à noite e tem a sua costureira lhe enviando as faturas durante o dia.
No inferno não há espaço para uma mulher desprezada… é uma pena que esta mulher ache seu marido quase irresistível.

O que você faria se o seu noivo aparecesse na cerimônia de casamento completamente bêbado a ponto de não se lembrar de nada e sumisse no dia seguinte sem nem trocar meia dúzia de palavras com você? É uma situação irreal certo? Mas esse é o cenário perfeito para um romance de época cheio de confusões, mal entendidos e a dose certa de romance!

Jason, o conde de Cavendish, é obrigado por uma clausula no testamento de seu pai a se casar com uma determinada jovem. Tudo o que ele não queria, porque ao contrário da regra seguida pela sociedade, ele não queria um casamento de conveniência, mas sim amor verdadeiro. Porém era o casamento ou perder toda a sua fortuna. Claro que nosso mocinho casou!

Continue lendo
10dez • 19 Aventura, Buddy Read, clássico, Fantasia, literatura estrangeira, Marion Zimmer Bradley, Planeta, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #292 A Grande Rainha

Título: A Grande Rainha
Autor: Marion Zimmer Bradley

Série: As Brumas de Avalon #2
Editora: Planeta
Páginas: 232
Ano: 2017
Gênero: Fantasia/ Ficção/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Neste romance, a lenda do rei Artur e contada pela primeira vez através das vidas, das visões e da percepção das mulheres que nela tiveram um papel central. Pela primeira vez, o mundo arturiano de Avalon e Camelot, com todas as suas paixões e aventuras – o mundo que, através dos seculos, cada geração recriou em incontáveis obras de ficção, poesia, drama – e revelado, como se poderia esperas, pelas suas heroínas – pela rainha Guinevere, mulher de Artur; por Igraine, mãe de Artur; por Viviane, a impressionante Senhora do Lago, Grande Sacerdotisa de Avalon; e principalmente pela irma de Artur, Morgana, também conhecida como Morgana das Fadas, como a Fada Morgana – como feiticeira, como bruxa – e que nesta épica versão da lenda desempenha um papel crucial, tanto na coroação como na destruição de Artur. Trata-se, acima de tudo, da historia de um profundo conflito entre o cristianismo e a velha religião de Avalon.

É treta o que vocês querem? Treta vocês encontram aqui!

Muito melhor que o primeiro livro, muito mais instigante e ainda assim me fez passar muita raiva!!!!!! Sério, aqui temos uma aula de como se aborrecer com decisões e atitudes idiotas de algumas mulheres rsrsrs.

O livro começa com Morgana, agora morando com a tia Morgause em seu reino, ela está grávida e o pai sabemos muito bem quem é, mas é necessário segredo sobre tudo. Não está sendo uma gravidez fácil para Morgana e ela está numa fase muito ressentida de seu destino, convenhamos que não podemos tirar a razão da moça.

Continue lendo
05dez • 19 literatura estrangeira, Mariana Zapata, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #291 The Wall of Winnipeg and Me

Título: The Wall of Winnipeg and Me
Autor: Mariana Zapata
Editora: Amazon
Páginas: 680
Ano: 2016
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Vanessa Mazur sabe que está fazendo a coisa certa. Ela não deve se sentir mal por se demitir. Ser uma assistente/governanta/fada- madrinha para o defensor da Organização Nacional de Futebol era para ser temporário. Ela tem planos e nenhum deles inclui lavar cuecas extra grandes.

Mas quando Aiden Graves aparece em sua porta querendo que ela volte, ela fica mais do que chocada.
Por dois anos, o homem conhecido como A Muralha de Winnipeg não se importou em lhe dizer bom dia ou desejar feliz aniversário. Agora? Ele está pedindo o impensável.

O que você diria para o homem que está acostumado a conseguir tudo o que quer?

Mais um livro da Mariana Zapata na área!!! Eu gosto muito de histórias com esportistas, gosto de personagens dedicados a profissão e ao esporte e quando comecei a leitura de The Wall of Winnipeg and Me, sabia que iria amar!

Vanessa é assistente de Aiden Graves há dois anos, eles tem um relacionamento patrão – empregada tradicional. Aiden é o melhor jogador de defesa do futebol americano, muitas vezes premiado e reconhecido por seu trabalho exemplar e foco no jogo. Ele não tem tempo para mais nada, sinônimo de entrega e dedicação é Aiden Graves.

Continue lendo
02dez • 19 12 livros para 2019, Arqueiro, Desafio das GeLs, Lisa Kleypas, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance, romance de época, Romance de Época

Resenha#290 Escândalos na Primavera

Título: Escândalos na Primavera
Série: As Quatro Estações do Amor
Ordem: 4
Autor: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de época/ Romance histórico/ Literatura Estrangeira
Páginas: 224
Ano: 2017
Classificação: 5 estrelas
Compre o Livro
Sinopse: Daisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braçaisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braço direito na empresa.

Daisy está horrorizada com a possibilidade de viver para sempre com alguém tão sério e controlador, tão parecido com seu pai. Mas não admitirá a derrota. Com a ajuda de suas amigas, está decidida a se casar com qualquer um, menos o Sr. Swift.

Ela só não contava com o charme inesperado de Matthew nem com a ardente atração que nasce entre os dois. Será que o homem ganancioso de quem se lembrava era apenas fachada e ele na verdade é tão romântico quanto os heróis dos livros que ela lê? Ou, como sua irmã Lillian suspeita, o Sr. Swift é apenas um interesseiro com algum segredo escandaloso muito bem guardado?

Fechando com chave de ouro a série As Quatro Estações do Amor, Escândalos Na Primavera é um presente para os leitores de Lisa Kleypas, que podem ter certeza de uma coisa: embora as estações do ano sempre terminem, a amizade desse quarteto de amigas é eterna.

Chegamos ao último livro da série As Quatro Estações do Amor, agora é hora de conhecer um pouco mais sobre a história da Daisy, a mais nova das irmãs Bowman!

Eu acredito que já comentei algumas vezes, aqui no blog e no canal, que essa é a minha série favorita de romances de época, a amizade entre essas meninas e suas histórias de amor são encantadoras. Devo confessar também que a história da Daisy nunca foi minha favorita, mas após essa releitura, passei a olhar com novos olhos esse livro.

Bom, Daisy é a única das amigas ainda solteira, nossa mocinha é bem romântica e facilmente troca pessoas por livros (quem se identifica levanta a mão rs). Já faz alguns anos que os Bowman estão na Inglaterra e só uma das filhas se casou e os gastos financeiros continuam subindo… é o suficiente para o Sr. Bowman dar um ultimato para sua caçula, ela escolhe logo um marido ou ele a obrigaria a se casar com o Sr. Swift – empregado e homem de confiança de seu pai.

Continue lendo