adulto

Resenha #299 Defy

Por Barbara em 21 jan • 2020

Posts arquivados em: Tag: Clichê

17dez • 19 comédia romantica, literatura estrangeira, new adult, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Whitney G

Resenha #294 Forget You, Ethan

Título: Forget You, Ethan
Série: Forget You, Ethan
Ordem: 1
Autor: Whitney G
Editora: WGW Books
Gênero: New Adult/ Romance/ Literatura Estrangeira
Páginas: 300
Ano: 2017
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: Eu sempre a odiei.

Ela sempre me odiou. Nunca fomos amigos, apenas o melhor dos inimigos…

Eu odeio Rachel Dawson desde os sete anos de idade. Minha vizinha e inimiga jurada número um, ela é a razão pela qual quase todas as nossas brigas de infância terminaram comigo incendiando algo dela. (Ou vice-versa.)

Ela me dedurou quando eu quebrei o toque de recolher.

Eu ri dela quando ela mentiu sobre ter um namorado.

Fomos indo e voltando assim durante o ensino médio, ambos prometendo nunca mais falar um com o outro quando fomos para a faculdade. Mas isso foi só até ela aparecer no meu apartamento durante o último ano e me pedir um lugar temporário para ficar.

Até que viver com ela dia após dia se tornou insuportável, e uma discussão apaixonada mudou tudo. Bem, quase tudo.

Eu sempre a odiei.

Ela sempre me odiou.

Não tenho certeza do que diabos está acontecendo, e não sei dizer se ainda somos “inimigos”…

New Adult para os fãs de New Adult!

Forget you, Ethan é um clichêzaço, comece a ler essa resenha ciente de que nada muito novo aparecerá, mas como boa fã de new adult, não poderia deixar de comentar minhas impressões sobre esse com vocês.

Bom, o livro conta a história de Rachel e Ethan, eles são aquele clássico casal que se conhece desde sempre, são vizinhos e se odeiam e vivem para se provocar. A Rachel é uma garota diferente, ela gosta de cultivar amizades através de cartas, mas o mundo moderno deixou as pessoas um tanto preguiçosas e não muito dispostas a responder através da escrita. Isso não desencoraja nossa mocinha, que tenta sempre criar novos laços por esse meio. Por sorte ela tem um correspondente fiel, Ethan.

Continue lendo
05dez • 19 literatura estrangeira, Mariana Zapata, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #291 The Wall of Winnipeg and Me

Título: The Wall of Winnipeg and Me
Autor: Mariana Zapata
Editora: Amazon
Páginas: 680
Ano: 2016
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Vanessa Mazur sabe que está fazendo a coisa certa. Ela não deve se sentir mal por se demitir. Ser uma assistente/governanta/fada- madrinha para o defensor da Organização Nacional de Futebol era para ser temporário. Ela tem planos e nenhum deles inclui lavar cuecas extra grandes.

Mas quando Aiden Graves aparece em sua porta querendo que ela volte, ela fica mais do que chocada.
Por dois anos, o homem conhecido como A Muralha de Winnipeg não se importou em lhe dizer bom dia ou desejar feliz aniversário. Agora? Ele está pedindo o impensável.

O que você diria para o homem que está acostumado a conseguir tudo o que quer?

Mais um livro da Mariana Zapata na área!!! Eu gosto muito de histórias com esportistas, gosto de personagens dedicados a profissão e ao esporte e quando comecei a leitura de The Wall of Winnipeg and Me, sabia que iria amar!

Vanessa é assistente de Aiden Graves há dois anos, eles tem um relacionamento patrão – empregada tradicional. Aiden é o melhor jogador de defesa do futebol americano, muitas vezes premiado e reconhecido por seu trabalho exemplar e foco no jogo. Ele não tem tempo para mais nada, sinônimo de entrega e dedicação é Aiden Graves.

Continue lendo
25nov • 19 literatura estrangeira, Prescott Lane, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #289 All My Life

Título: All My Life
Autor: Prescott Lane
Editora: Amazon
Páginas: 249
Ano: 2018
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: O começo de qualquer história de amor começa com o encontro. Eu conheço Garrett Hollis desde antes que eu possa me lembrar, e eu o amei ao mesmo tempo. Eu o amei enquanto ele amou outra pessoa. Eu o amei quando ele teve um bebê com ela. Eu o amei quando ela o deixou.

A maior das histórias de amor é aquela entre um pai e sua filha. Eu deveria saber. Eu tive um lugar na primeira fila. Primeiros passos, primeiras palavras, todos os grandes momentos.

Garrett era apenas um adolescente quando Mia nasceu. Eu o vi trançar o cabelo de sua filha, segurar a mão dela atravessando a rua, a vendo adormecida no peito dele. Eu sou a melhor amiga, aquela com quem eles podem contar para tudo, desde aulas de dança até conselhos maternais, qualquer coisa que eles precisem. Eu sou a garota a quem eles recorrem.

A melhor parte de qualquer história de amor é o feliz para sempre. Mas e se o felizes para sempre não incluir você? Toda a minha vida, é quanto tempo eu o amei. Claro, ele não faz ideia.

Mocinha ama mocinho desde sempre.
Mocinha é a melhor amiga do mocinho.
Mocinha não tem coragem de se declarar para o mocinho.
Chega uma nova garota na cidade.
Mocinho se apaixona por ela.
Mocinha ficou na friendzone.

E esse é o enredo inicial de All My Life.

Devlyn e Garret cresceram juntos em uma cidade pequena, eles eram melhores amigos e nossa mocinha sempre teve uma queda por ele, mas né… vocês entendem, certo? Rsrs.

Garret sempre foi o rapaz modelo da cidade, filho do prefeito, popular e gente boa, o genro que mamãe pediu a Deus rsrs. Um belo dia chega uma garota nova na cidade, e é amor à primeira vista, Garret e Sheena não se desgrudam, mas ela voltaria para sua cidade após as férias de verão. É o que acontece, mas pouco tempo depois ela retorna com uma novidade: ela estava grávida.

Continue lendo
16out • 19 Beth O'Leary, comédia romantica, intrínseca, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #282 Teto Para Dois

Título: Teto Para Dois
Autor: Beth O’Leary
Editora: Intrínseca
Páginas: 400
Ano: 2019
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Eles dividem um apartamento com uma cama só. Ele dorme de dia, ela, à noite. Os dois nunca se encontraram, mas estão prestes a descobrir que, para se sentir em casa, às vezes é preciso jogar as regras pela janela.

Três meses após o término do seu relacionamento, Tiffy finalmente sai do apartamento do ex-namorado. Agora ela precisa para ontem de um lugar barato para morar. Contrariando os amigos, ela topa um acordo bastante inusitado.

Leon está enrolado com questões financeiras e tem uma ideia pouco convencional para arranjar dinheiro rápido: sublocar seu apartamento, onde fica apenas no período da manhã e da tarde nos dias úteis, já que passa os finais de semana com a namorada e trabalha como enfermeiro no turno da noite. Só que tem um detalhe importante: o lugar tem apenas uma cama.

Sem nunca terem se encontrado pessoalmente, Leon e Tiffy fecham um contrato de seis meses e passam a resolver as trivialidades do dia a dia por Post-its espalhados pela casa. Mas será que essa solução aparentemente perfeita resiste a um ex-namorado obsessivo, uma namorada ciumenta, um irmão encrencado, dois empregos exigentes e alguns amigos superprotetores?

Sabe aquele livro que parece um abraço? Teto Para Dois é ele.

Eu vi a indicação desse livro e pela sinopse já achei curioso, como assim um casal vai dividir uma casa, uma cama (!!!!!), sem se conhecerem? Como esse arranjo seria possível? Na mesma hora decidi que precisava ler e comecei imediatamente.

Eu tenho uma queda enorme por clichês de casais que dividem casa e daí desenvolvem um relacionamento, mas será que esse livro estava indo por esse caminho?

Continue lendo
01mar • 19 Amy Daws, literatura estrangeira, new adult, resenha, Romance

Resenha #257 Keeper

Título: Keeper
Autor: Amy Daws

Série: Harris Brothers #3
Editora: LLC
Páginas: 294
Ano: 2017
Gênero: New Adult/ Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Eles eram melhores amigos até se tornarem companheiros de apartamento. Booker Harris passou os últimos anos se esforçando para se tornar o melhor goleiro da Liga dos Campeões. Cansado de viver nas sombras de seus irmãos espirituosos, ele finalmente esculpiu um caminho próprio.

Quando criança, Poppy McAdams estava contente em seu próprio mundo de mentirinha, até que o garoto da casa ao lado, com covinhas e olhos cheios de dor, entrou em seu forte improvisado, exigindo toda a atenção dela.

Melhores amigos pela maior parte de suas vidas, tudo muda quando Poppy deixa abruptamente Londres para a Universidade. Agora ela está de volta e a garota desajeitada da juventude de Booker se foi. Ela foi substituída por uma mulher deslumbrante com segredos. Segredos que Booker está desesperado para saber. Compartilhar uma parede de quarto com seu melhor amigo de infância rapidamente se transforma em algo menos doce e inocente.

Hey galera!

Prontos para conhecer a história de Poppy e Booker? Então venham comigo!

Nossos protagonistas se conheceram muito cedo, ainda crianças. Eram vizinhos, da mesma idade e sempre dispostos a aventuras e algumas travessuras rs. O Booker é o mais novo de quatro irmãos e uma irmã, todos os rapazes são jogadores de futebol com carreiras promissoras. Quando mais jovem, ele encontrou em Poppy a amizade de que precisava, alguém que valorizasse sua companhia e Poppy o adorava e vice-versa.

Os anos passaram, eles cresceram juntos, Booker se dedicando a carreira de goleiro, até que um dia Poppy anuncia que vai se mudar e fazer faculdade em outro país. É um choque para nosso mocinho que acaba gerando uma discussão enorme colocando um ponto final na amizade de anos. Mas quando se é amigo de verdade, estamos sempre dispostos a perdoar né?!

Continue lendo
20set • 18 literatura estrangeira, Pandorga, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #235 O Contrato

Título: O Contrato
Autor: Melanie Moreland
Série: O Contrato #1
Editora: Pandorga
Páginas: 371
Ano: 2017
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Um tirano de dia, um playboy de noite. Essa é a reputação de Richard VanRyan. Ele vive a vida do jeito que quer, sem se preocupar com a opinião dos outros. Ele não se importa com ninguém, é completamente impenitente e não tem vontade de mudar seus modos.
Katharine Elliott trabalha para Richard como sua assistente. Ela despreza a ele e seus modos questionáveis, mas aguenta todo o lixo que ele joga em seu caminho, porque ela precisa do trabalho. Seu objetivo final é muito mais importante do que o abuso diário e exige que ela tolere seu chefe tirano e desagradável.
Até o dia em que ele lhe pede algo que ela nunca esperou. Um novo papel com um contrato pessoal – noiva, em vez de assistente.
O que acontece quando duas pessoas que se detestam, têm de viver juntos e agir como se eles estivessem apaixonados?
Faíscas.
Isso é o que acontece.
O poder do amor pode realmente mudar uma pessoa?
Será que eles vão sobreviver ao contrato?
O que você faz quando a pessoa que mais odeia torna-se a única que você não pode viver sem?

 

Tá precisando de um super clichê? Então você está na resenha certa kkk

Eu conheci esse livro através de um grupo de leitores, uma moça comentou que tinha lido e adorado, que era um romance um tanto diferente do que estamos acostumados. Eu fui atrás da sinopse e era um dos meus clichês favoritos: Casamento de Conveniência rsrs.

Fato que eu precisava ler!

Continue lendo

13jun • 18 adulto, internacional, lançamento, literatura estrangeira, new adult, resenha, Resenhas de Livros, Romance, universo dos livros

Resenha #223 Apenas Amigos

Título: Apenas Amigos
Autor: Christina Lauren
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 368
Ano: 2018
Gênero: Romance, New Adult
Classificação: 3,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Holland Bakker foi salva de um ataque no metrô pelo musicista irlandês Calvin McLoughlin. Como agradecimento, Holland o apresenta a um grande diretor de musicais e o que era uma tentativa despretensiosa se transforma numa chance inimaginável, pois, antes mesmo de perceber, Calvin foi escalado para um grande musical da Broadway! Ou quase… Até admitir que seu visto de estudante expirou e ele está no país ilegalmente. Sem titubear, e com uma paixão crescente pelo rapaz que só ele ainda não percebeu, Holland se oferece para casar com o irlandês a fim de mantê-lo em Nova York. Conforme a relação dos dois se desenrola de “apenas amigos” a ”casal apaixonado”, Calvin se torna o queridinho da Broadway. No meio de tanto teatro e do gostar-sem-se-envolver, o que fará esse casal perceber que há muito amor verdadeiro em cena?

 

Hoje a resenha é de um livro que tem um dos maiores clichês de todos os tempos e com certeza é um dos meus favoritos rs. Casamento de conveniência! Hey, tava pensando que só acontecia nos romances de época? A dupla Christina Lauren vem nos provar que dá pra acontecer nos tempos modernos também!

Mas vamos à história.

Holland é uma jovem mulher, aspirante a escritora, vivendo em Nova York. Tudo poderia ser perfeito se ela não estivesse em um período de bloqueio em sua escrita. No momento ela trabalha com seu tio que é o criador de uns dos musicais de maior sucesso da Broadway. Ela também desenvolveu uma paixonite por um músico de rua, com quem sinceramente nunca pensou em conversar. Até que ela sofre um ataque no metrô e é salva por Calvin, o tal músico de rua.

Continue lendo