DarkSide Books

Resenha #335 Hex

Por Raquel em 29 nov • 2020
adulto

Resenha #333 Method

Por Barbara em 10 nov • 2020
09jan • 20 L J Shen, literatura estrangeira, new adult, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #297 Pretty Reckless

Título: Pretty Reckless
Série: All Saint High
Ordem: 1
Autor: L. J. Shen
Editora: Independente
Gênero: New Adult/ Romance/ Literatura Estrangeira
Páginas: 360
Ano: 2019
Classificação: 5 estrelas
Compre o Livro
Sinopse: Nós deveríamos ser melhores amigos.
Mas acabou por sermos piores inimigos…

Penn

Dizem que a vingança é um prato que se come frio.
Eu tive quatro anos para pensar no que Daria Followhill fez comigo e agora meu coração estava completamente gelado.
Eu roubei o primeiro beijo dela.
Ela pegou a única coisa que eu amava.
Eu era pobre.
Ela era rica.
A coisa boa das circunstâncias? Elas podem mudar. Rápido.
Agora, sou o mais recente projeto brilhante dos pais dela.
Seu companheiro de casa. Seu atormentador. O capitão do time de futebol rival que ela tanto odeia.
Sim, querida, diga isso, eu sou seu irmão adotivo.
Há um preço a pagar por arruinar a única coisa boa da minha vida e ela está prestes a soltar algumas lágrimas.
Daria Followhill acha que é a rainha. Estou prestes a provar a ela que ela não é nada além de uma princesa mimada.

Daria

Todo mundo ama um bom e velho punk sem remorso.
Mas sendo uma cadela? Oh, você é criticada por cada comentário sarcástico, rolar de olhos cínico e pés que você coloca no caminho de seus adversários.
A coisa sobre os saltos agulha é que eles fazem um estrago quando você anda por cima das pessoas que tentam te machucar.
No caso de Penn Scully, perfurei seu coração até sangrar, depois o deixei em uma lata de lixo em um dia claro de verão.
Quatro anos atrás, ele me pediu para guardar todas as minhas primeiras vezes para ele.
Agora ele mora do outro lado do corredor e eu não quero nada além de ser sua última em tudo.
Suas palavras de despedida quando ele me deu seu coração foram que nada neste mundo é livre.
Agora? Agora ele está me fazendo pagar.

Caros leitores,

Se a Regina George fosse protagonista de um livro, seria desse. E um aviso, ao final você iria amá-la!

Eu conheci Pretty Reckless através da votação dos melhores do ano do GoodReads, eu via o livro passando de rodada a rodada e fiquei curiosa. Na hora que eu li a sinopse senti que precisava ler, foi o que fiz e não me decepcionei.

Ele conta a história de Daria e Penn. Eles são de mundos completamente diferentes, e o livro começa com ambos aos 14 anos e com Penn roubando o primeiro beijo de Daria logo nas primeiras páginas, fofo né?

Mas é óbvio que a fofura não duraria muito. Daria é filha de uma professora de ballet, nossa mocinha é cheia de atitude, porém bem insegura. Ela sente que é uma decepção na dança e que não consegue agradar a mãe. Do outro lado nós temos uma aluna que é o epítome do talento, Via, a pessoa que a mãe de Daria – Mel, dedica muito dos seus esforços. Isso faz com que nossa mocinha sinta muito ciúmes e inveja de Via (infantil, eu sei, porém bem humano rs).

Mas se você já está sentindo pena de Via, pode desistir, não temos mocinhas sofridas que só apanham nesse livro não! A Via só tem aparência de anjo, ela provoca e revida tudo o que a Daria faz na mesma moeda.

Até que um dia uma tragédia acontece e Via desaparece, logo em seguida Daria descobre que ela era irmã gêmea de Penn. Pois é, sua arqui inimiga é gêmea do seu crush! Tenso.

Os anos passam e agora aos 18 anos nosso casal faz de tudo para manter a distância, tudo fica mais fácil por estudarem em colégios diferentes, e é muito drama para investir num relacionamento certo? Porém como a tragédia parece perseguir Penn, sua mãe morre e ele é expulso de casa por seu padrasto.

É quando Mel resolve tomar uma atitude e fazer por Penn o que ela não conseguiu fazer por Via. Ela coloca Penn dentro de sua casa e é assim que nosso casal passa a dividir o lar. É treta galera, porque eles não poderiam se odiar mais… Ou seria amor disfarçado de ódio? Rsrsrs.

Pretty Reckless é um primeiro livro da série All Saint High, um spin-off de Sinners of Saint que conta a história dos pais dos protagonistas de ASH. Confesso que não é um livro muito fácil, essa galera é jovem, muito rica e privilegiada, mas ao mesmo tempo cheia de problemas.

A Daria não toma as melhores das decisões e em muitas ocasiões ela age com maldade ao ponto da própria mãe não saber lidar com ela. Ela escreve em um diário todas as coisas ruins que fez ao longo dos anos e foram muitas… A verdade é que nossa mocinha precisava de limites, como qualquer adolescente.

No caso do Penn, ele só precisava das oportunidades certas e é o que ele consegue no momento em que vai morar com a família de Daria. Ele é logo acolhido como membro, o que é bem bonito de ler. O relacionamento dele com Daria é explosivo e um tanto controverso. Eles fazem um par que se complementa e aos poucos vai entrando nos eixos e você vai se apaixonar por eles tanto quanto eu me apaixonei rs.

Sei que não é um livro para todos, é um New Adult com jovens que tomam algumas atitudes bem destrutivas, mas o final é redentor e eu gostei muito da experiência. Não indico para menores de 18 anos e para os que não toleram linguagem suja. Se você consegue passar por isso, leia. O final é ótimo e eu amei!

Até breve

confira também os Posts Relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário

6 Comentários

  • Julia
    21 ago 2020

    Onde eu encontro esse livro pra comprar/baixar em português?? Só estou encontrando a edição em inglês =//

    • Barbara Lima
      Barbara Lima
      24 ago 2020

      Infelizmente nenhuma editora ainda publicou esse livro ou a série aqui no Brasil, por isso só tem em inglês 🙁

  • emily
    11 ago 2020

    ai meu Deus, vou ler hoje! <3

  • Suellen
    15 fev 2020

    Acabei de ler esse livro Pretty Reckless por indicação aqui do site, e amei muito. Aí bateu aquela curiosidade, vcs tem alguma tag de livros sobre outras garotas malvadas assim? Gostei muito de ver todo esse ângulo de vista da Daria, e gostaria de ler mais neste estilo. Fora o romance super tórrido e delicioso dela com o Penn.