Posts arquivados em: Tag: romance

17dez • 22 12 livros para 2022, clássico, Desafio das GeLs, Elizabeth Gaskell, literatura estrangeira, Literatura Inglesa, Pedrazul, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #429 Margaret Hale – Norte e Sul

Título: Margaret Hale – Norte e Sul
Autor: Elizabeth Gaskell
Editora: Pedrazul
Páginas: 428
Ano: 2015
Gênero: Romance/ Literatura Inglesa/ Literatura Estrangeira/ Clássico
Classificação: 3,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: “Vamos, pobre e pequeno coração! Seja alegre e corajoso. Seremos muita coisa um para o outro, se formos jogados fora e deixados desolados!”

Margaret Hale é arrancada de seu idílico e pastoril Sul e levada para o industrializado Norte, para a poluída cidade de Milton. Infeliz, sentindo-se perdida, logo desenvolve um senso apaixonado de justiça social, intensificado pelo seu tempestuoso relacionamento com Mr. Thornton, cuja oposição feroz oculta uma atração mais profunda.
Elogiado por Charles Dickens como uma “história admirável, cheia de personalidade e poder”, o romance entre uma heroína arrogante, porém, sensível, e um industrial inteligente e dinâmico aborda questões políticas, filosóficas e econômicas. Uma descrição inabalável das condições sombrias dos trabalhadores da Era Vitoriana.
O confronto entre Margaret Hale e John Thornton é considerado uma reminiscência das desavenças entre Elizabeth Bennet e Mr. Darcy, personagens de Orgulho e Preconceito, de Jane Austen.

Hey galera, vamos para um clássico da literatura? 

Margaret Hale ou Norte e Sul como ficou conhecido, é um clássico da literatura que vai nos apresentar a história de Margaret, uma jovem que depois de ter passado vários anos vivendo com a família da tia em Londres, e sendo dama de companhia de sua prima, volta para a casa dos pais após o casamento dessa prima. 

Margaret tinha boas lembranças de sua casa de infância, que ficava em Hellstone, uma cidade pequena ao Sul da Inglaterra. Lá a vida era bem pacata e com seu pai sendo o vigário local, ela tinha uma boa relação com os moradores da cidade. Tudo muda quando seu pai toma uma decisão que transforma completamente a vida da família. Eles mudam de cidade e saem de Hellstone para a cidade de Milton, uma cidade industrial ao norte da Inglaterra. 

Continue lendo
27out • 22 Clichê, comédia romantica, Farah Heron, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #427 Accidentally Engaged

Título: Accidentally Engaged
Autor: Farah Heron
Editora: Forever
Páginas: 368
Ano: 2021
Gênero: Romance/ Comédia Romântica/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Reena Manji não ama sua carreira, seu status de solteira e, acima de tudo, sua família se intrometendo em cada detalhe de sua vida. Mas ao cuidar de sua preciosa massa fermentada sourdough, Reena pode abafar tudo. Pelo menos até que seu pai mude seu mais novo funcionário para o outro lado do corredor – com a esperança de que Reena se case com ele.
Mas Nadim não é como os outros solteiros muçulmanos comuns que seus pais arranjaram. Se o corpo de Capitão América e o sotaque britânico não fossem suficientes, o homem parece adorar comer suas criações de pão tanto quanto ela adora fazê-las. Ela com certeza nunca se casaria com um homem que trabalha para seu pai, mas a amizade como vizinha não tem problema, né? E quando a carreira de Reena despenca, Nadim felizmente concorda em fingir um noivado para que eles possam entrar em um concurso de culinária caseira para casais e ganhar o prato de pão artesanal dos seus sonhos.
Como cozinhar juntos em casa os aproxima, as coisas ficam físicas, mas Reena não está preocupada. Ela sabe que Nadim guarda segredos, mas tudo bem: segredos estão sempre no menu no que diz respeito à família. E seu coração está protegido… Ela não vai se casar com o homem. Mas mesmo segredos mantidos para autopreservação têm um jeito de escapar, especialmente quando pais intrometidos e famílias fofoqueiras estão envolvidos.

Hey galera, tudo bem?

Hoje trago para vocês um clichê gostosinho demais. Accidentally Engaged vai nos contar a história de Reena, ela é uma jovem mulher indiana, nascida no Canadá e com pais mulçumanos que imigraram da Tanzânia muito tempo atrás. No Canadá, o pai de Reena criou o seu império no ramo da construção civel, ele é um homem muito tradicional e junto com sua esposa, tem o hábito ser bem intrusivo na vida de seus filhos, por esse motivo, nossa mocinha decidiu ser o mais independente possível.

Ela vive em um apartamento, tem um emprego que tolera e um histórico nada feliz no quesito relacionamentos. Também não se dá bem com a irmã mais nova e vive resistindo às intrusões de seus pais. Até aí tudo ok, porém nossa mocinha não contava com a última de seus pais kkk. O pai de Reena tem um novo empreendimento e ao negociar com um dos financiadores, o possível casamento de seus filhos também entra na jogada e assim, Nadim entra na vida de Reena.

Continue lendo
22out • 22 12 livros para 2022, Bernard Cornwell, Desafio das GeLs, Ficção, literatura estrangeira, Literatura Inglesa, Record, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #426 O Inimigo de Deus

Título: O Inimigo de Deus
Série: As Crônicas de Artur
Ordem: 2
Autor: Bernard Cornwell
Editora: Record
Gênero: Romance/ Ficção/ Literatura Estrangeira
Páginas: 518
Ano: 2011
Classificação: 5 estrelas
Compre o Livro
Sinopse: “O Inimigo de Deus” é o segundo volume da mais fiel história de Artur narrada até hoje. Com base em fatos novos e descobertas arqueológicas, Bernard Cornwell retrata o maior de todos os heróis como um guerreiro poderoso que luta contra os saxões para manter unida a Britânia, no século V, após a saída dos romanos. Em “O Inimigo de Deus”, o país está unido e pronto para expulsar de uma vez os invasores saxões. Mas se por um lado está unificado politicamente, por outro a luta entre as religiões ancestrais e o cristianismo divide o povo. Diante da propagação da nova fé, Merlin empreende uma busca pelo caldeirão sagrado — objeto mágico poderoso, capaz de trazer de volta os antigos deuses e aniquilar os saxões e os cristãos. Ao longo desta jornada, ele é acompanhado pelo guerreiro Derfel por lugares distantes e perigosos, onde acontecem aventuras inesquecíveis.

Olá galera, hoje é dia de conversarmos sobre O Inimigo de Deus, segundo livro da trilogia As Crônicas de Artur. Nessa continuação, vamos acompanhar novamente Derfel, um dos melhores amigos e guerreiros de Artur, narrando os eventos da época em que Artur forjou a história que o tornou famoso.

“Fale de Artur, diz ela, do Artur dourado, nossa última e melhor esperança, nosso rei que nunca foi rei, o Inimigo de Deus e flagelo dos saxões. Fale de Artur.”

Nessa fase, Artur está em busca de sua tão sonhada paz, e para isso, ele vai continuar tentando unir todos os reinos da Britânia contra o inimigo em comum, os saxões. A primeira tentativa é através da união de Ceinwyn, a irmã do Rei de Powys que foi preterida por Artur em favor de Guinevere, e Lancelot. Ela seria tipo um prêmio de consolação para Lancelot por Artur não ter conseguido proteger seu reino como tinha prometido. Porém, eles não contavam com os planos de Merlin.

Continue lendo
20out • 22 drama, Ficção, Fredrik Backman, Garotos entre Livros, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #425 Gente Ansiosa

Título: Gente Ansiosa
Autor: Fredrik Backman
Editora: Rocco
Páginas: 368
Ano: 2021
Gênero: Drama/ Ficção/ Literatura Estrangeira/ Romance
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Best-seller instantâneo do New York Times, o novo romance do autor de Um homem chamado Ove é um “romance engraçado e emocionante”.

A busca por um apartamento não costuma ser uma situação de vida ou morte, mas uma visita imobiliária toma tais dimensões quando um fracassado assaltante de banco invade o apartamento e faz de reféns um grupo de desconhecidos.

O grupo inclui um casal recém-aposentado que procura sem parar, casas para reformar, evitando a verdade dolorosa de que não é possível reformar o casamento. Há um diretor de banco rico, ocupado demais para se preocupar com outras pessoas, e um casal que, prestes a ter o primeiro filho, não concorda sobre nada. Acrescenta-se uma mulher de 87 anos que já viveu demais para temer uma ameaça à mão armada, um corretor imobiliário assustado, mas ainda disposto a vender, e um homem misterioso que se trancou no único banheiro do apartamento, e assim completamos o pior grupo de reféns do mundo.

Cada personagem carrega uma vida de reclamações, mágoas, segredos e paixões prestes a transbordar. Ninguém é exatamente o que parece. E todos — inclusive o ladrão — estão desesperados por algum tipo de resgate. Conforme as autoridades e a imprensa cercam o prédio, os aliados relutantes revelam verdades surpreendentes e desencadeiam eventos tão inusitados que nem eles próprios são capazes de explicar.

Não poderia iniciar essa resenha (se muito) com essa citação que, basicamente resume o livro pra mim:

“Esta história fala de muitas coisas, mas sobretudo de idiotas. No entanto, é necessário deixar claro desde o início que é muito fácil afirmar que os outros são idiotas, ainda mais se você esquece o quanto é idiotamente difícil existir como ser humano. Especialmente se você estiver tentando agir como um ser humano razoavelmente bom para outras pessoas.”

Gente Ansiosa foi escrito pelo sueco Fredrik Backman e conta as histórias de diversos personagens que estavam em busca de um apartamento para comprar e se veem no meio de uma situação de reféns.

Iniciei essa leitura despretensiosamente, mesmo sabendo que a Netflix preparava uma adaptação – sabe a ânsia do leitor em consumir algo para poder ver a adaptação e criticar sem pena? Mais ou menos isso. Eu só não esperava ser arrebatado dessa maneira.

Continue lendo
13out • 22 lançamento, Literatura Nacional, Lu Fonseca, Publi Post, resenha, Resenha Publicitária, Romance

Resenha #424 Uma nova vida para Helena

Título: Uma nova vida para Helena
Série: Irmãos de Coração
Ordem: 1
Autor: Lu Fonseca
Editora: Independente
Gênero: Romance /Literatura Nacional
Páginas: 378
Ano: 2022
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: A Série Irmãos de Coração fala sobre segredos, traição e principalmente sobre perdão. O Volume 1 conta a história de Helena.

Helena é uma jovem gaúcha que sonha em cursar Medicina. Filha de uma família classe média do interior do RS, cresceu em um lar cheio de amor, junto aos pais e sua irmã. Na adolescência conheceu Rodrigo e se apaixonou. Vivia feliz, estudando para conquistar seu objetivo, mas em um piscar de olhos, seus sonhos viram pesadelos, pois, ela é traída da pior forma por todos que amava.

Decepcionada com sua família, Helena decide recomeçar sua vida na longínqua cidade de Belo Horizonte e buscar a realização de seu sonho.

Na Universidade ela conhece Rafael e Saulo. Eles estão sozinhos, cada um enfrentando suas dificuldades, mas com o mesmo objetivo de se formarem em Medicina. Eles se adotam como “irmãos de coração”. Juntos se apoiam financeira e psicologicamente, e constroem uma nova família.

Durante a residência em Pediatria, Helena conhece Theo, um empresário que trabalha com investimentos, viúvo e pai solo de duas crianças. Ela sofreu várias decepções amorosas e não acredita mais no amor, mas Theo parece realmente disposto a conquistá-la. Dois seres magoados e traídos conseguirão superar seus receios e se entregar ao amor?

Até onde há perdão? Até onde o amor supera tudo?

Você seria capaz de perdoar uma traição?

E se essa traição viesse daqueles que deveriam te amar acima de tudo?

Hey meu povo, como estamos?

Hoje é dia de literatura nacional aqui no blog e eu vou comentar as minhas impressões sobre o mais recente lançamento da autora Lu Fonseca, curiosos para conhecer Helena? Continua lendo aí.

Bom, o livro nos apresenta Helena, uma jovem gaúcha, recém-formada na escola e estudante muito dedicada com foco e objetivo de entrar em uma faculdade para cursar medicina. Todos sabemos o quão concorrido é o curso de medicina e ainda mais em uma faculdade pública, por isso nossa mocinha se dedica totalmente a esse objetivo.

Aparentemente a vida estava perfeita, ela tinha um namorado amoroso, pais dedicados e uma irmã mais nova. Tudo ia bem, até que um dia ela chega em casa e encontra o namorado “amoroso” aos beijos com a irmã mais nova dela. O mundo de Helena gira completamente, mas como tudo que está ruim pode piorar, ela ainda descobre que a irmã está grávida e que os pais decidiram apoiar o casal de traíras… tenso!

Continue lendo
04out • 22 Alfaguara, Ficção, literatura estrangeira, Literatura irlandesa, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Sally Rooney

Resenha #423 Conversas entre amigos

Título: Conversas entre amigos
Autor: Sally Rooney
Editora: Alfaguara
Páginas: 264
Ano: 2017
Gênero: Ficção/ Literatura Estrangeira/ Literatura Irlandesa/ Romance
Classificação: 3,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Frances, uma estudante de vinte e um anos que vive em Dublin, é escritora e apresenta em público suas peças de poesia com Bobbi, sua ex-namorada e melhor amiga. Ela é tímida, austera e distante; Bobbi é mais comunicativa e de fácil trato. Quando Melissa, uma notável fotógrafa e ensaísta, se aproxima de ambas para oferecer um perfil em uma renomada revista, elas aceitam com entusiasmo. Enquanto o encanto de Bobbi por Melissa aumenta, Frances se aproxima pouco a pouco de Nick, o marido-ator não muito bem-sucedido, e a relação de poder que se estabelece entre os quatro se torna cada vez mais complexa.

Escrito com precisão e inteligência, Conversas entre amigos é um relato impressionante das paixões e perigos da juventude. Neste romance de estreia, Sally Rooney consegue conciliar vulnerabilidade e força em um mundo que não tem nada de trivial.

A leitura de Conversas entre Amigos começou como uma sugestão de leitura coletiva (que, aparentemente, só eu acompanhei) e foi uma viagem a um mundo de cinismo e falta de amor-próprio. Mas foi bom?

“Eu queria as coisas para mim porque achava que eu existia.”

O livro de estreia da autora irlandesa é narrado em primeira pessoa, acompanhamos os pensamentos de Frances, uma estudante de literatura, e sua relação com aqueles que a cercam, Bobbi, a melhor amiga e ex-namorada, Melissa, uma fotógrafa e ensaísta, e Nick, um ator não muito bem-sucedido, marido de Melissa, ambos mais velhos que as duas amigas. Quando Melissa chama Frances e Bobbi para montar um artigo sobre elas, Bobbi se encanta com a ensaísta e Frances se aproxima de Nick. E com “se aproxima”, eu quero dizer que eles têm um caso tórrido. Ainda, cabe destacar que o livro possui bons personagens secundários, em especial Bobbi e outros colegas da faculdade.

Continue lendo
15set • 22 12 livros para 2022, Arqueiro, Clichê, desafio, Desafio das GeLs, Julia Quinn, literatura estrangeira, Literatura Inglesa, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Romance de Época

Resenha #422 O que acontece em Londres

Título: O que acontece em Londres
Série: Trilogia Bevelstoke
Ordem: 2
Autor: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de Época/Literatura Estrangeira/Romance
Páginas: 288
Ano: 2020
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Boatos e Fofocas … A VIDA DE LONDRES!

Quando dizem a Olivia Bevelstoke que seu novo vizinho pode ter matado sua noiva, ela não acredita nem por um segundo, mas, ainda assim, como ela pode ajudar a espioná-lo, só para ter certeza? Então, ela ocupa um lugar perto da janela do quarto, escondida de maneira inteligente por cortinas, relógios e espera … e descobre um homem muito intrigante, que definitivamente está tramando algo.

Sir Harry Valentine trabalha para o ramo chato do Departamento de Guerra, traduzindo documentos vitais para a segurança nacional. Ele não é um espião, mas já recebeu todo o treinamento e, quando uma loira linda começa a observá-lo pela janela, ele imediatamente suspeita. Mas justamente quando ele decide que ela não passa de uma debutante irritantemente intrometida, ele descobre que ela pode estar noiva de um príncipe estrangeiro, que pode estar conspirando contra a Inglaterra. E quando Harry é espionado por Olivia, ele descobre que pode estar se apaixonando por ela…

Hey meu povo, como vocês estão?

Hoje é dia de conversarmos um pouco sobre esse livro aí, O que acontece em Londres, da autora Julia Quinn. Ele faz parte da trilogia Bevelstoke, o segundo livro, e vai nos contar a história de Olivia e Harry. Eles são vizinhos em Londres, ele acabou de se mudar para a casa ao lado e com a chegada de uma nova pessoa à sociedade, é óbvio que os boatos e especulações a respeito dele iriam fervilhar.

Um desses boatos deixa nossa mocinha com as orelhas em pé. Harry estava sendo “acusado” de ter matado a própria noiva, e morar ao lado de um provável assassino era inaceitável para Olivia. É quando ela decide investigar e descobrir a verdade, e a melhor forma seria espionado o vizinho, porém Olivia não é a pessoa mais discreta desse mundo e logo ela é flagrada nesse processo de espionagem e um entreveiro entre os dois de fato se inicia rs.

Continue lendo
06ago • 22 Emily Henry, Ficção, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #419 Leitura de Verão

Título: Leitura de Verão
Autor: Emily Henry
Editora: Verus
Páginas: 364
Ano: 2022
Gênero: Romance/ Ficção/ Literatura Estrangeira/ Literatura Americana
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Em Leitura de verão, uma escritora de romances que não acredita mais no amor e um escritor literário sufocado pela rotina se envolvem em um desafio que pode subverter tudo o que eles sempre pensaram sobre o que é ser feliz.

Augustus Everett é um aclamado autor de ficção literária. January Andrews escreve romances best-seller. Enquanto ela cria seus “felizes para sempre”, ele mata todos os seus personagens. Eles definitivamente são polos opostos. A única coisa que têm em comum é que, durante três meses, vão morar em casas de praia vizinhas, ambos falidos e paralisados por um bloqueio criativo. Até que, em uma noite nebulosa, uma coisa leva à outra e eles fazem um acordo que tem o objetivo de arrancá-los da zona de conforto: Augustus vai passar o verão redigindo um livro com final feliz, e January vai escrever o próximo clássico da literatura. Ela vai levá-lo a viagens de campo dignas de uma comédia romântica, e ele a acompanhará em entrevistas com sobreviventes de um culto de suicídio (obviamente). Cada um vai finalizar um livro e ninguém vai se apaixonar. Será?

Hey galera, hoje vim conversar com vocês sobre esse livro que vocês já devem ter ouvido falar por aí, o hype tá nas alturas rs. Leitura de Verão foi indicação de vocês e eu resolvi ler e entender qual era a desse livro, pois bem, vou contar um pouco sobre a minha experiência de leitura.

O livro vai contar a história de January, ela resolve passar o verão na casa de praia de seu pai. Pra começo de conversa ela nem sabia que a casa existia, descobriu no dia do enterro dele e foi um verdadeiro divisor de águas na vida da nossa mocinha. Com a morte do pai, ela percebe que ele tinha muitos mais segredos do que ela imaginava.

O tempo passa, ela está em uma fase bem difícil da vida, ainda vivendo o luto, acabou um longo relacionamento, a conta bancária tá esvaziada e ela precisa terminar, ou melhor, começar e terminar um livro. Ela então decide que enquanto trabalha em seu livro, é um bom momento para se desfazer da casa que o pai deixou. Pois bem, ela só não contava com o vizinho que encontraria… rs.

Continue lendo
30jul • 22 Fantasia, Ficção, Galera Record, Holly Black, jovem adulto, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #418 A Rainha do Nada

Título: A Rainha do Nada
Série: O Povo do Ar
Ordem: 3
Autor: Holly Black
Editora: Galera Record
Gênero: Literatura Estrangeira/ Jovem Adulto/ Fantasia/ Literatura Americana
Páginas: 294
Ano: 2020
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Ele será a destruição da coroa e a ruína do trono.

O poder é mais fácil de adquirir do que de manter. Jude aprendeu a lição mais difícil de sua vida quando abdicou do controle do Rei Cardan em troca de um poder imensurável.

Agora, ela carrega o outrora impensável título de Grande Rainha de Elfhame, mas as condições são longe de ser ideais. Exilada por Cardan no mundo mortal, Jude se encontra impotente e frustrada enquanto planeja reivindicar tudo que Cardan tomou dela.

A oportunidade surge com sua irmã gêmea, cuja vida está em perigo. Para salvá-la de uma situação tenebrosa envolvendo Locke, Jude decide voltar ao Reino das Fadas se passando por Taryn. Antes disso, porém, ela precisa confrontar os próprios sentimentos contraditórios pelo rei que a traiu.

No entanto, ao voltar a Elfhame, Jude constata que tudo mudou. A guerra está prestes a eclodir, e ela caminha próximo a seus inimigos. Será que ela vai ser capaz de resgatar a Coroa e o amor incondicional de Cardan, ao mesmo tempo que destrói os planos de seus inimigos? Ou será que tudo está perdido para sempre?

A rainha do nada é o épico desfecho da trilogia O Povo do Ar, da renomada autora Holly Black. Com intrigas palacianas, reviravoltas inesquecíveis e uma construção de universo ao mesmo tempo complexa e crível, Holly Black se consagra mais uma vez como a rainha do Reino das Fadas e um dos nomes mais icônicos da fantasia para jovens adultos.

Hora de finalizar a trilogia!
Galera, quero começar essa resenha agradecendo a todos que me incentivaram a ler essa trilogia. Muitos sabem que não consegui me render as séries mais recentes que se passam no universo dos feéricos, mas por incentivo de vocês, li O Povo do Ar. Obrigada!

Nesse último livro vamos ver o desfecho da história de Jude. Ela é a Grande Rainha, porém ninguém sabe, e de quebra ainda foi exilada ao final do livro anterior. Nossa mocinha experimentou o céu – controle absoluto durante o período em que foi senescal de Cardan, e agora está no inferno, porque mesmo sendo rainha, está longe de seu reino.

As coisas começam a mudar quando ela recebe a visita inesperada da irmã, Taryn, que está em um momento complicado e só pode contar com a ajuda de Jude. Era a desculpa que ela precisava para voltar para o universo dos feéricos. Assim que chega, ela não consegue manter o disfarce por muito tempo, porém uma reviravolta a leva para perto de Madoc, seu pai adotivo e traidor do reino. Com ele, ela descobre que os planos para usurpar o trono de Cardan estão muito adiantados e os riscos para nosso rei favorito são bem altos.

Continue lendo
02jul • 22 12 livros para 2022, Arqueiro, Clichê, desafio, Lisa Kleypas, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Romance de Época

Resenha #415 Uma Noite Inesquecível

Título: Uma Noite Inesquecível
Série: As Quatro Estações do Amor
Ordem: 5
Autor: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance de época/ Romance histórico/ Literatura Estrangeira
Páginas: 144
Ano: 2017
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro
Sinopse: O Natal está se aproximando e Rafe Bowman acaba de chegar a Londres para uma união arranjada com Natalie Blandford. Com sua beleza estonteante e o físico imponente, ele tem certeza de que a linda aristocrata logo cairá a seus pés. No entanto, seus terríveis modos americanos e sua péssima reputação de farrista deixam Hannah, a prima da moça, chocada. Determinada a proteger Natalie, ela vai tornar a tarefa de cortejar a jovem muito mais difícil do que Rafe esperava. Hannah, porém, logo começa a se importar mais do que gostaria com o rude pretendente da prima. Rafe, por sua vez, passa a apreciar um pouco demais a companhia de Hannah, uma mulher forte e pragmática com um coração doce e gentil. E quando Daisy, Lillian, Annabelle e Evie, quatro amigas inseparáveis que já conseguiram encontrar o homem de seus sonhos, decidem agir como cupidos, quem sabe o que pode acontecer? Uma noite inesquecível é uma viagem mágica pela Londres vitoriana, com os diálogos espirituosos e personagens memoráveis que consagraram Lisa Kleypas como uma das autoras de romances de época mais aclamadas pelo público. Nesta continuação da série As Quatro Estações do Amor, os mais cínicos se tornam românticos e até os mais tímidos suspiram, arrebatados de paixão.

Romance de época na área, meus amores!

Hoje vim contar um pouco sobre a minha experiência de leitura com esse livro, Uma Noite Inesquecível. Ele é um extra da série “As quatro estações do amor”, e vai nos apresentar a história de Natalie, Rafe e Hannah.

Rafe é o irmão mais velho de Lilian e Dayse, ele está na Inglaterra para encontrar uma esposa, e a sua eleita é Natalie. Os arranjos principais para o enlace já estão organizados, mas os pombinhos precisam se conhecer e definir se existe chances de dar certo. Natalie é filha de um aristocrata e faz parte da nata da sociedade londrina, pensando nisso, Lilian resolve dar uma forcinha para o irmão e organiza um encontro entre Rafe e a dama de companhia de Natalie, Hannah, para que ele pudesse pegar umas dicas e conquistar Lady Natalie.

Continue lendo
28jun • 22 12 livros para 2022, Arqueiro, Chick Lit, comédia romantica, Jenny Colgan, literatura estrangeira, Literatura Inglesa, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #414 A Pequena Livraria dos Sonhos

Título: A Pequena Livraria dos Sonhos
Autor: Jenny Colgan
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Ano: 2019
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira/ Chick Lit
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Um romance sobre importância da leitura e da literatura para diversos tipos de pessoa.

“Nina é uma leitora voraz que sonha em ter a própria lojinha de livros. Só que a vida real é um pouco mais complicada que as histórias que ela ama ler, o que ela descobre quando se muda para as lindas Terras Altas da Escócia para transformar seus sonhos em realidade… Tentei escrever o tipo de livro que adoro – convidativo, engraçado (ESPERO), com caras gatinhos (LÓGICO), mas também totalmente dedicado a nós, amantes de livros: os leitores.Venha se juntar à nossa turma!” Beijos, Jenny

Nina Redmond é uma bibliotecária que passa os dias unindo alegremente livros e pessoas – ela sempre sabe as histórias ideais para cada leitor. Mas, quando a biblioteca pública em que trabalha fecha as portas, Nina não tem ideia do que fazer.

Então, um anúncio de classificados chama sua atenção: uma van que ela pode transformar em uma livraria volante, para dirigir pela Escócia e, com o poder da literatura, transformar vidas em cada lugar por que passar.

Usando toda a sua coragem e suas economias, Nina larga tudo e vai começar do zero em um vilarejo nas Terras Altas. Ali ela descobre um mundo de aventura, magia e romance, e o lugar aos poucos vai se tornando o seu lar.

Um local onde, talvez, ela possa escrever seu próprio final feliz.

Hey galera, hoje vim comentar com vocês sobre esse livro fofinho da Jenny Colgan. Gravei um vlog sobre ele e vocês podem conferir ao final desse texto, mas aqui vocês vão ter uma versão um pouco mais curta rs.

Bom, o livro vai nos apresentar à Nina, uma jovem bibliotecária que perdeu o emprego porque a biblioteca está passando por uma reformulação e cortando funcionários. É momento em que ela precisa decidir o que fazer com a própria vida, seguir em frente em uma nova função ou investir em si própria e correr atrás dos seus sonhos.

Continue lendo
17jun • 22 A. Hanuc, Editora Palavra e Verso, Fantasia, Ficção, Literatura Nacional, Publi, resenha, Resenha Publicitária, Romance

Resenha #413 O Diário de Eliz

Título: O Diário de Eliz
Série: Saga Multiverso
Ordem: 1
Autor: A. Hanuc
Editora: Palavra e Verso
Gênero: Literatura Nacional/Fantasia
Páginas: 200
Ano: 2022
Classificação: 3,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: A melhor amiga de Queen é assassinada em um parque próximo a sua residência. Três dias depois do enterro, ainda no calor das investigações e em luto, ela recebe uma encomenda contendo um diário assinado pela melhor amiga morta, e descobre que criaturas não-humanas estão entre os homens, e uma delas estava crescendo em seu ventre.
Sua única opção é obedecer as instruções do diário para salvar a própria alma, e desta forma, permitir que Eliz possa descansar em paz. E com isso, Queen acaba descobrindo a verdade sobre a existência humana, o Multiverso – a vida e a morte, se metendo no meio de uma guerra apocalíptica entre as forças da criação e o mal supremo.
Algumas de suas habilidades humanas são desbloqueadas, e ela recebe a árdua missão de proteger a única criança capaz de unir criaturas aprimoradas de todas as galáxias para sucumbir com o inimigo que persegue a humanidade desde os primórdios da existência.

Continue lendo
1 2 3 24