drama

Resenha #271 Dear Aaron

Por Barbara em 29 maio • 2019
drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019

Posts arquivados em: Mês: agosto 2019

09ago • 19 Amy Harmon, drama, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance, romance histórico

Resenha #275 From Sand and Ash

Título: From Sand and Ash
Autor: Amy Harmon
Editora: Lake Union Publishing
Páginas: 386
Ano: 2016
Gênero: Romance/ Romance Histórico/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Itália, 1943 – A Alemanha ocupa grande parte do país, colocando a população judaica em sério perigo durante a Segunda Guerra Mundial.

Quando crianças, Eva Rosseli e Angelo Bianco foram criados como família, mas divididos por circunstâncias e religião. Com o passar dos anos, os dois encontram-se apaixonados. Mas a igreja chama Angelo e, apesar de seus sentimentos profundos por Eva, ele escolhe o sacerdócio.

Agora, mais de uma década depois, Angelo é um padre católico e Eva é uma mulher sem lugar para voltar. Com a chegada da Gestapo, Angelo esconde Eva dentro das paredes de um convento, onde Eva descobre que ela é apenas um dos muitos judeus que estão sendo abrigados pela Igreja Católica.

Mas Eva não pode se esconder silenciosamente, esperando pela libertação, enquanto Angelo arrisca tudo para mantê-la segura. Com o mundo em guerra e tantos necessitados, Angelo e Eva enfrentam julgamento após julgamento, escolha após escolha agonizante, até que o destino e sorte finalmente colidem, deixando-os com a decisão mais difícil de todas.

Sinceramente, acho que ainda não sei como colocar em palavras tudo o que senti durante a leitura desse livro. Essa, provavelmente, será uma resenha bem emocional, então me perdoem os excessos rs.

Sintam-se avisados!

Ainda estou esperando por um livro da Amy em que eu me decepcione um pouco com a história. From Sand and Ash é o sétimo título da autora que leio e o sétimo que ganha cinco estrelas.

O livro se passa durante o período da Segunda Guerra Mundial na Itália, como boa fã de história que sou, confesso gostar muito de ler romances que se passem nesse período.

Continue lendo