Posts arquivados em: Tag: resenha

23abr • 18 adulto, new adult, resenha, Romance

Resenha #216 A Conquista (Amores Improváveis #4)

Título: A Conquista
Autor: Elle Kennedy
Editora: Paralela
Gênero: New Adult/Romance/Adulto
Páginas: 336
Ano: 2017
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: De todos os jogadores do time de Hóquei da universidade de Briar, John Tucker se destaca por ser o mais sensato, gentil e amável. Diferente de seus amigos mulherengos, ele sonha mesmo é com uma vida tranquila- esposa, filhos e, quem sabe um dia, abrir um negócio próprio. Mas nem mesmo o cara mais calmo do mundo estaria preparado para o turbilhão de emoções que ele está prestes a enfrentar. Sabrina James é a pessoa mais ambiciosa, dedicada e batalhadora do campus. Seu jeito sério e objetivo é interpretado por muitos como frieza, mas ela não está nem aí para sua fama de antipática. Tudo o que ela quer é passar em Harvard, tirar ótimas notas e conquistar a tão sonhada carreira como advogada. Só assim ela conseguirá escapar de seu passado difícil e de sua família terrível. Um acontecimento inesperado vai desses jovens de cabeça para baixo. Tucker e Sabrina vão precisar se unir e rever seus planos para o futuro. Juntos, eles aprenderão que a vida é cheia de surpresas, e que o amor é a maior conquista de todas.

Aviso 1: Esse é um livro indicado para +18

Aviso 2: Pode conter spoilers para quem não leu os livros anteriores

Chegamos ao quarto e último livro dessa série que é só amor <3. Elle Kennedy nos proporcionou ótimos momentos de diversão com esses jogadores né!?

Em A Conquista é hora de conhecer a história de Tucker e Sabrina, o livro anterior terminou de forma chocante com Tucker revelando que seria papai em breve, agora é o momento de voltar um pouco no tempo e entender como tudo começou.

O Tucker, diferente dos amigos, é aquele cara que toda garota sonha. Bonito, charmoso, educado e cavalheiro aka um verdadeiro príncipe. Em uma noite num bar ele conhece Sabrina, uma garota de atitude, linda, um tantinho má e que não tem tempo para mimimi. No momento que os olhares se cruzam é game over galera.

Continue lendo

18abr • 18 adulto, book, literatura estrangeira, mistério, resenha, Romance, Suspense

Resenha #215 Uma Esposa Confiável

Título: Uma Esposa Confiável
Autor: Robert Goolrick
Editora: Ponto de Leitura
Gênero: Romance
Páginas: 359
Ano: 2009
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Um amor capaz de superar as piores traições. Sucesso de crítica e vendas nos EUA – primeiro lugar na lista de mais vendidos do The New York Times, o romance Uma Esposa Confiável, estreia literária de Robert Goolrick, autor do aclamado livro de memórias The End of the World as We Know It, conta uma história de paixão, desejos proibidos e morte.

Já lançado em mais de dez países, o livro narra um caso amoroso que supera as piores traições e pecados da vida. Tudo começa em 1907, numa cidadezinha gelada no interior do Wisconsin. Ralph Truitt, o homem mais poderoso da região, aguarda o trem que trará Catherine Land, sua nova esposa. Em sua bagagem, ela traz mais do que roupas e poucos pertences: uma garrafa azul, cujo conteúdo servirá para cumprir uma antiga promessa de vingança. O que nenhum deles espera, no entanto, é que forças do desejo e do amor mudassem seus planos traçados com tanto cuidado.

Uma esposa confiável é inspirado nas memórias de infância do autor, que cresceu ouvindo de seus pais e amigos as histórias dramáticas do sul dos Estados Unidos.

 

Eu comprei esse livro numa promoção na Livraria Leitura, tinham vários livros de bolso por lá e esse, pela sinopse, foi o que me ganhou. No mesmo dia comecei a leitura e não parei mais. O livro tem uma pegada de mistério que vai te instigando a continuar lendo e te prende totalmente à história. Ao mesmo tempo, senti um tom erótico que confesso, não esperava.

O livro gira em torno de três pessoas. Ralph é um homem muito rico, lá nos seus 50 e tantos anos e muito entristecido pelas tragédias que ocorreram ao longo de sua vida. Após 20 anos viúvo, ele decide que é o momento de dar uma nova chance para a felicidade. Ele quer se redimir do passado e recomeçar, para isso ele coloca um anúncio no jornal em busca de uma esposa. Estamos nos EUA de 1907, numa cidadezinha do interior de Wisconsin. Essa era uma prática muito comum e não difere muito dos aplicativos de encontro atuais né rs.

“Às vezes havia uma bondade sussurrada porque havia algo em Ralph, mesmo imóvel e em silêncio, capaz de comover um coração compassivo.”

Através desse anúncio ele conhece Catherine, uma mulher misteriosa que em suas cartas afirmava ser uma pessoa tranquila e sem pretensões e ao primeiro encontro, Ralph percebe que não é.

Continue lendo

11abr • 18 resenha, Resenhas de Livros, Romance de Época, romance histórico

Resenha #214 A Condessa de Camus

Título: A Condessa de Camus
Autor: Claire Phillips
Editora: Kindle Edition
Gênero: Romance de Época
Páginas: 346
Ano: 2016
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Lady Madeleine não conseguia entender como se perder na mata em uma noite de tempestade, perto da casa onde passou alguns dias com a sua família, acabaria por levá-la a casar-se com um dos maiores libertinos contumazes das Ilhas.
O Conde de Camus conhecido como um libertino, desejado pelas mulheres e invejado e odiado também por muitos de seus companheiros, foi forçado a um casamento que não esperava e nem desejava. Como havia terminado naquela situação?
Poderia um libertino reformar-se quando não desejava ser reformado? Ela poderia perdoá-lo e acreditar que eles poderiam chegar a ter um casamento real?

 

Às vezes, tudo o que a gente precisa é de um bom romance de época… né verdade?

Eu estava aleatoriamente passeando pelo meu kindle e resolvi que precisava ler esse livro, o título me atraiu, a sinopse também e então me joguei.

A história é sobre um casal que é forçado a se casar para evitar um escândalo. Nossa mocinha, Lady Madeleine é pega em uma situação um tanto quanto suspeita com um dos maiores libertinos da época – O Conde de Camus. Como ele é um cavalheiro, para proteger a jovem, propõe um casamento de conveniência.

Continue lendo

19fev • 18 Chick Lit, desafio, Desafio das GeLs, literatura estrangeira, resenha, Verus

Resenha #211 A Pequena Livraria dos Corações Solitários #1

Título: A Pequena Livraria dos Corações Solitários
Série: A Livraria dos Corações Solitários
Ordem: 1
Autor: Annie Darling
Editora: Verus
Gênero: Chick Lit/Romance
Páginas: 308
Ano: 2017
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

 

Sinopse: Era uma vez uma pequena livraria em Londres, onde Posy Morland passou a vida perdida entre as páginas de seus romances favoritos. Assim, quando Lavinia, a excêntrica dona da Bookends, morre e deixa a loja para Posy, ela se vê obrigada a colocar os livros de lado e encarar o mundo real. Porque Posy não herdou apenas um negócio quase falido, mas também a atenção indesejada do neto de Lavinia, Sebastian, conhecido como o homem mais grosseiro de Londres. Posy tem um plano astucioso e seis meses para transformar a Bookends na livraria dos seus sonhos — isso se Sebastian deixá-la em paz para trabalhar. Enquanto Posy e os amigos lutam para salvar sua amada livraria, ela se envolve em uma batalha com Sebastian, com quem começou a ter fantasias um tanto ardentes. Resta saber se, como as heroínas de seus romances favoritos, Posy vai conseguir o seu “felizes para sempre”. O primeiro livro da série A Livraria dos Corações Solitários!

 

Hey pessoal, como vocês estão?

Hoje a resenha é desse livro que só pela capa já dá pra perceber que é fofo né?!

A Pequena Livraria dos Corações Solitários, conta a história de Posy, uma jovem mulher que acabou de herdar uma livraria centenária, a Bookends. Essa livraria estava na família de sua antiga dona há muitos anos, mas seus tempos de glória se foram há tempos.

Em seu testamento, Lavinia – antiga dona, deixa para Posy, que era como uma neta para Lavinia, a missão de reformar a Bookends e fazer com que ela tivesse sucesso novamente. Em um prazo de dois anos, Posy deveria fazer a livraria gerar lucro ou então ela passaria para Sebastian, neto de Lavinia e ex-crush da nossa mocinha.

Continue lendo

24jan • 18 mistério, resenha, romance policial, Suspense

Resenha #209 Flores Partidas

Título: Flores Partidas
Autor: Karin Slaughter
Editora: Harper Collins
Gênero: Romance Policial/Suspense
Páginas: 400
Ano: 2017
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Irmãs. Estranhas. Sobreviventes.
Quando Lydia contou para a irmã que o cunhado havia tentado estuprá-la, Claire não acreditou. Dezoito anos depois, porém, tudo o que Claire achava saber sobre o marido se prova uma mentira. Quando vídeos escondidos no computador de Paul mostram uma face terrível do homem que ela julgava conhecer, Claire percebe que o drama de sua família tem muitas camadas, que precisarão ser descobertas antes que a assustadora verdade por fim venha à tona.

 

E as definições de psicopata foram atualizadas com sucesso!

Flores Partidas foi um dos livros finalizados em 2017, a Mi comprou na Bienal e como eu não conhecia nada da autora, deixei a oportunidade passar. Um tempo depois numa das minhas idas à livraria, a curiosidade foi mais forte, acabei comprando e logo iniciei a leitura.

Tudo começa quando Claire vê seu marido Paul sendo assassinado após uma tentativa de assalto. Isso abala a vida de Claire, uma mulher milionária, com uma vida aparentemente estável e completamente apaixonada pelo marido. Só que essa não é a primeira tragédia que aconteceu na vida de Claire.

Continue lendo

29dez • 17 best, best book, distopia, ficção científica, Globo Alt, resenha

Resenha #208 Estrela da Manhã (Red Rising #3)

Título: Estrela da manhã
Série: Red Rising
Ordem: 3
Autor: Pierce Brown
Editora: Globo Alt
Gênero: Sci-Fi/Distopia/Fantasia/Ficção Científica
Páginas: 632
Ano: 2016
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Darrow teria vivido em paz , mas seus inimigos trouxe-lhe guerra. Os senhores de ouro exigiram sua obediência, enforcaram sua esposa, e escravizou seu povo. Mas Darrow está determinado a revidar. Arriscando tudo para transformar a si mesmo e violar a sociedade dos Ouros, Darrow tem lutado para sobreviver as rivalidades acirradas ás quais reproduzem os mais poderosos guerreiros da Sociedade, ascendeu as fileiras, e esperou pacientemente para desencadear a revolução que vai rasgar a hierarquia por dentro.

Finalmente, chegou a hora .

Mas a devoção à honra e a sede de vingança são profundas em ambos os lados . Darrow e seus companheiros de armas enfrentam inimigos poderosos sem escrúpulos ou piedade . Entre eles estão alguns que Darrow uma vez considerou amigos. Para vencer, Darrow terá de inspirar aqueles acorrentados na escuridão para quebrar suas correntes , desfazer o mundo que seus mestres cruéis construíram, e reivindicar um destino há muito tempo negado – e glorioso demais para abandonar.

“Se seu coração está acelerado e sua calça molhada, é por ter o Ceifeiro chegado, pra receber sua dívida não paga.”

Uma aula de como encerrar uma trilogia com chave de ouro, isso é o que Pierce Brown fez em Estrela da Manhã. O livro já começa de forma tensa, nove meses após o final de Filho Dourado, tudo já tinha sido jogado no ventilador, Darrow preso, traições a torto e a esquerdo e mortes para deixar George Martin orgulhoso…

Filho Dourado nos deixou desamparados. Não tenho outra palavra para definir, e tenho certeza de que iria sofrer igual uma louca se tivesse que esperar o lançamento de Estrela da Manhã. Fãs que tiveram que esperar, vocês tem todo o meu respeito.

Continue lendo

24nov • 17 jovem adulto, literatura estrangeira, Romance

Resenha #206 Mil Beijos de Garoto

Título: Mil Beijos de Garoto
Autor: Tillie Cole
Editora: Outro Planeta
Gênero: Romance, Jovem Adulto, Ficção
Páginas: 400
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse:  Um beijo dura um instante. Mas mil beijos podem durar uma vida inteira. Um garoto. Uma garota. Um vínculo que é definido num momento e se prolonga por uma década. Um vínculo que nem o tempo nem a distância podem romper. Um vínculo que vai durar para sempre. Ao menos era o que eles imaginavam. Quando, aos dezessete anos, Rune Kristiansen retorna da Noruega para o lugar onde passou a infância – a cidade americana de Blossom Grove, na Geórgia –, ele só tem uma coisa em mente: reencontrar Poppy Litchfield, a garota que era sua cara-metade e que tinha prometido esperar fielmente por seu retorno. E ele quer descobrir por que, nos dois anos em que esteve fora, ela o deletou de sua vida sem dar nenhuma explicação.

 

Atenção, preparem os lencinhos porque esse livro é de chorar rios…
Mil beijos de garoto da Tillie Cole foi um livro escolhido e comprado baseado apenas no tanto que as pessoas nas minhas redes sociais falavam sobre ele. Eu sabia que seria um livro emocionante e que provavelmente me levaria às lágrimas, mas eu não li a sinopse nem resenhas sobre, então foi realmente um salto no precipício literário.

E não me arrependi.

 

Continue lendo