drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019
Laura Ward

Resenha #264 Not Yet

Por Barbara em 22 mar • 2019

Posts arquivados em: Tag: melhores amigos

01mar • 19 Amy Daws, literatura estrangeira, new adult, resenha, Romance

Resenha #257 Keeper

Título: Keeper
Autor: Amy Daws

Série: Harris Brothers #3
Editora: LLC
Páginas: 294
Ano: 2017
Gênero: New Adult/ Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Eles eram melhores amigos até se tornarem companheiros de apartamento. Booker Harris passou os últimos anos se esforçando para se tornar o melhor goleiro da Liga dos Campeões. Cansado de viver nas sombras de seus irmãos espirituosos, ele finalmente esculpiu um caminho próprio.

Quando criança, Poppy McAdams estava contente em seu próprio mundo de mentirinha, até que o garoto da casa ao lado, com covinhas e olhos cheios de dor, entrou em seu forte improvisado, exigindo toda a atenção dela.

Melhores amigos pela maior parte de suas vidas, tudo muda quando Poppy deixa abruptamente Londres para a Universidade. Agora ela está de volta e a garota desajeitada da juventude de Booker se foi. Ela foi substituída por uma mulher deslumbrante com segredos. Segredos que Booker está desesperado para saber. Compartilhar uma parede de quarto com seu melhor amigo de infância rapidamente se transforma em algo menos doce e inocente.

Hey galera!

Prontos para conhecer a história de Poppy e Booker? Então venham comigo!

Nossos protagonistas se conheceram muito cedo, ainda crianças. Eram vizinhos, da mesma idade e sempre dispostos a aventuras e algumas travessuras rs. O Booker é o mais novo de quatro irmãos e uma irmã, todos os rapazes são jogadores de futebol com carreiras promissoras. Quando mais jovem, ele encontrou em Poppy a amizade de que precisava, alguém que valorizasse sua companhia e Poppy o adorava e vice-versa.

Os anos passaram, eles cresceram juntos, Booker se dedicando a carreira de goleiro, até que um dia Poppy anuncia que vai se mudar e fazer faculdade em outro país. É um choque para nosso mocinho que acaba gerando uma discussão enorme colocando um ponto final na amizade de anos. Mas quando se é amigo de verdade, estamos sempre dispostos a perdoar né?!

Continue lendo
21abr • 15 lançamento, literatura estrangeira, new adult, resenha

Resenha #89 For The Love of Raindrops

Título: For The Love of Raindrops
Autor: Beth Michele
Editora: Kindle Edition
Páginas: 374
Gênero: New Adult
Classificação: 6 estrelas

Sinopse:  Uma história de melhores amigos que se apaixonam…

Eu me apaixonei por ela quando era apenas um garoto.

E então, eu nunca me desapaixonei; apenas me apaixonei mais.
 
Mas ela tem tudo. Ela é tudo. E eu não tenho nada para oferece-la, além do meu coração.
Algumas vezes, o garoto consegue a garota, e eles vivem felizes para sempre. Eu queria ser esse cara, sabe? Especialmente porque não consigo me imaginar amando outro alguém.
Logo após criar a coragem para dizer a ela o que sinto, meu mundo vira de cabeça pra baixo. Meu sonho se torna meu pior pesadelo.
Eu queria poder voltar no tempo. Eu queria ter contado a ela antes.
Mas, acima de tudo… eu queria que chovesse novamente.
“Eu quero estar com você quando tivermos sessenta;
eu quero estar com você até estarmos velhos e grisalhos;
e, quando a pele de suas mãos for fina e frágil,
eu ainda estarei me agarrando a você. Sempre.”
Eu não sabia por onde começar esta resenha, então o começo será um pouquinho diferente. Aconselho a você, caro leitor, a apertar o play no vídeo abaixo, e ler esta resenha acompanhado da música mais perfeita para ele, que resume tudo que eu poderia falar sobre Evie e Dylan.
Sim, meus queridos, mais uma resenha apaixonante de um livro que irá fazer com que você suspire do início ao fim. Um livro que irá arrancar sorrisos, lágrimas, desejos, angústia, saudades, paixão, amizade, amor de verdade… um tipo de amor que é para a vida toda.
Nossa, que exagero! … Não, não é exagero. E vocês saberão disso logo na primeira página dessa história emocionante. Confesso que já me apaixonei por esse livro devido ao título.. é tão poético! Depois, me apaixonei pela capa, e assim foi com cada palavra colocada com tanto esmero e precisão por mais de trezentas páginas, em cada um dos cinquenta capítulos, que você nem verá passar até chegar ao epílogo.

Continue lendo