Kylie Scott

Resenha #391 Repeat

Por Barbara em 04 jan • 2022
Clichê

Resenha #389 The Favor

Por Barbara em 16 dez • 2021

Categoria: Literatura Inglesa

18dez • 21 Crítica Social, É Realizações, literatura estrangeira, Literatura Inglesa, Não Ficção, resenha, Resenhas de Livros, Theodore Dalrymple

Resenha #390 Podres de Mimados

Título: Podres de Mimados – As Consequências do Sentimentalismo Tóxico
Autor: Theodore Dalrymple
Editora: É Realizações
Páginas: 208
Ano: 2015
Gênero: Não-Ficção/ Crítica Social/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Diferentemente de outras duas obras do autor, A vida na sarjeta e Nossa cultura… ou o que restou dela, que são coletâneas de artigos sobre temas diversos, Podres de mimados trata de um único tema: como o culto do sentimento “tem destruído nossa capacidade de pensar e até a consciência de que é necessário pensar”. Ou, em outras palavras, quais são as consequências sociais e políticas das ações de uma sociedade que se permite pautar predominantemente pelos sentimentos.

Hey galera, tudo bom por aí? Hoje apresento para vocês o livro Podres de Mimados – As Consequências do Sentimentalismo Tóxico, do autor Theodore Dalrymple. Um livro bem fora da minha zona de conforto e que eu amei ter lido e conhecido, vou contar um pouco sobre o que encontramos nele e espero que essa resenha te instigue a querer ler também.

Bom, o livro é uma análise psicológica sobre o perigo do sentimentalismo tóxico. O autor faz também uma crítica social e nos mostra com exemplos, como ele acontece na sociedade. O livro é dividido uma introdução e 6 artigos, onde aos poucos ele vai desenvolvendo seu pensamento sobre o tema.

Continue lendo
16dez • 21 Clichê, Literatura Inglesa, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Suzanne Wright

Resenha #389 The Favor

Título: The Favor
Autor: Suzanne Wright
Editora: Independente
Páginas: 388
Ano: 2020
Gênero: Romance/ Literatura Inglesa/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Vienna Stratton sabia que só poderia culpar a si mesma. Não ficaria em dívida com um homem como Dane Davenport, por mais que precisasse da ajuda dele.
Como sua assistente pessoal, ela estava muito consciente de que o CEO globalmente bem-sucedido era impiedoso e implacável.
Claro que, se ela soubesse que ele solicitaria que ela fosse sua esposa por doze meses, ela teria hesitado em aceitar sua ajuda.
Porque o que ela tinha aprendido com Dane, era que o diabo não era feio e aterrorizante.
Ele era sedutor e cativante.
Ele cantarolava com sussurros de tentação, a tentação de pecar e se render, de deixá-lo marcar e possuir você. Ele despertava todas as necessidades e fantasias que você tinha.
Ele podia até mesmo fazer você amá-lo.

Hey meu povo! Olha eu aqui pra falar de um livro com CEO kkk. Se você não aguenta mais esses caras, NÃO fuja dessa resenha! Sim, eu sei que muita gente já está de saco cheio desses caras super poderosos e muito clichês, mas essa história vale a pena e a galinha com os ovos. Sério, leiam até o final e depois trate de ir atrás do livro para ler também rs.

Bora lá, deixa eu contar qual é a dessa história.

O livro vai contar a história de Vienna e Dane, eles são chefe e assistente e Dane é o CEO da história kkk. Bom, sendo bem clichê, Dane é um cara muito rico, dono de uma empresa famosa e de sucesso, um workaholic e um homem um tanto difícil de lidar. A única que não tem receio das atitudes e mal humor de Dane é Vienna. Ela é assistente dele há 4 anos e o relacionamento de ambos é estritamente profissional, claro que ela tem uma quedinha pelo chefe, afinal ele é um gato, porém nossa mocinha sabe separar muito bem as coisas. Trabalho é trabalho, jogo é jogo kk.

Continue lendo