Posts arquivados em: Tag: esporte

04nov • 21 Clichê, comédia romantica, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance, Sarah Adams

Resenha #384 The Cheat Sheet

Título: The Cheat Sheet
Autor: Sarah Adams
Editora: Independente
Páginas: 306
Ano: 2021
Gênero: Romance/ Literatura Americana/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: É tarde demais para sair da friend zone?
Olá, meu nome é Bree Camden, e estou perdidamente apaixonada por meu melhor amigo e quarterback estrela Nathan Donelson (assim como metade da América, a julgar pelos tablóides e por quanto o cara namora).
O primeiro passo é admitir, certo?
Exceto que nunca posso admitir para ele, porque ele claramente não me vê dessa forma, e a última coisa que eu quero é que as coisas fiquem estranhas entre nós.
Nada além da boa e antiquada amizade platônica para nós!
Tudo está exatamente como eu gosto! Sim. Bem. (Não estou chorando, estou apenas descascando uma cebola.)
Nossa amizade está indo muito bem até que acidentalmente derramo meu feijão para um repórter depois de muita tequila, e agora o mundo parece pensar que Nathan e eu pertencemos um ao outro. Ah, e eu mencionei que temos que namorar publicamente por três semanas até depois do Super Bowl porque assinamos um contrato com… oops, esqueci que não posso contar a ninguém sobre isso!
O ponto principal é que agora meu melhor amigo está borrando todas as linhas e agindo de forma nada platônica, e estou apenas tentando evitar que meu corpo queime em chamas cada vez que ele me toca.
Como vou sobreviver a várias semanas de namoro falso com Nathan sem que nada mude entre nós?
Especialmente, quando quase meio que parece que ele está lutando por um resultado completamente diferente?
Envie ajuda.
XO Bree

Hey galera, tudo bem por aí?

Li The Cheat Sheet e durante a leitura eu só conseguia pensar o quanto gostaria de compartilhar as minhas impressões sobre esse livro com vocês. Vou fazer um pequeno resumo sobre a história, e já vou logo avisando, vocês que gostam de um clichê friends to lovers, vão amar essa história. Bora lá?

O livro vai contar a história de Bree e Nathan. Eles são amigos desde os tempos do colégio e não simplesmente bons amigos, mas melhores amigos. Um conta com o outro, confia no outro e são a pessoa mais importante da vida do outro. Isso te soa como amizade ou casamento? Kkk
Enfim, eles se importam e se amam de verdade, ao ponto de que se alguma namorada do Nathan não gostasse de Bree e pedisse para ele escolher entre as duas, a escolha seria a Bree sem pensar duas vezes. Pois é, esse é o nível rs.

Nathan é um jogador profissional de futebol americano, um quarterback, e após o fim dramático de um dos seus muitos relacionamentos aleatórios com garotas aleatórias, ele se vê em uma grande confusão. A garota vai para os jornais e revistas de fofoca falar mal do desempenho do nosso mocinho como amante kkk, Nathan pouco se importa, mas Bree se sente muito ofendida pelo seu amigo kkk.

Continue lendo
31jul • 21 Literatura Americana, literatura estrangeira, Mariana Zapata, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #374 Hands Down

Título: Hands Down
Autor: Mariana Zapata
Editora: Independente
Páginas: 529
Ano: 2020
Gênero: Romance / Literatura Americana/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: ANTES DE SER O BIG TEXAS, ELE ERA ZAC, O SNACK PACK. Bianca Brannen sabe que o tempo, na maior parte, cura todas as feridas. Incluindo as que seus entes queridos podem ter causado involuntariamente. (Essas demoram mais.) Ela acha que está pronta quando uma ligação a faz voltar para a vida do seu velho amigo. Ou pelo menos, o mais preparada possível para ver o quarterback titular da Organização Nacional de Futebol. Antes das luzes, dos fãs e dos milhões, ele era um garoto magro com um coração de ouro. Sair da vida de Zac Travis deveria ser fácil. Tão fácil quanto ele saiu da dela.

Fãs de Mariana Zapata, podem chegar por aqui!

Hey galera, tudo bom com vocês? É dia de comentar sobre essa minha leitura, quem amou The Wall of Winnipeg and Me, vai surtar com esse livro, já fica a dica rs.

Vou fazer um resumo.

O livro vai contar a história de Bianca e Zac, sim o mesmo Zac que era companheiro de quarto do Aiden rs. Bianca conhece Zac desde que literalmente era um bebê e apesar da diferença de 7 anos de idade, eles construíram uma bela amizade. A avó de Bianca tomava conta de Zac quando criança e ele se tornou o melhor amigo de Boogie, primo de Bianca.

Após estourar como quarterback da NFO, Zac começa a viver uma vida dos sonhos, mas ele não esquece suas origens, o problema é que agora, 10 anos depois, ele não está vivendo o melhor momento de sua vida e carreira. Com o contrato desfeito e sem previsão de conseguir um novo time, a aposentadoria parece mais próxima a cada dia.

Faz 10 anos que Bianca não troca uma palavra com Zac, algo no passado aconteceu e eles perderam o contato. Mesmo com Boogie ainda sendo melhor amigo de Zac e ela encontrando regularmente sua família, ambos não se falam.

Até que algo acontece.

Continue lendo
18maio • 21 Arqueiro, comédia romantica, lançamento, Lissa Kay Adams, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #362 Clube do Livro dos Homens

Título: Clube do Livro dos Homens
Série: Clube do Livro dos Homens
Ordem: 1
Autor: Lissa Kay Adams
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance/ Comédia Romântica/Literatura Estrangeira/ Literatura Americana
Páginas: 320
Ano: 2021
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: A primeira regra do clube do livro é: não fale sobre o clube do livro

Gavin Scott é um astro do beisebol, devotado ao esporte. No auge de sua carreira, ele descobre um segredo humilhante: a esposa, Thea, sempre fingiu ter prazer na cama. Magoado, Gavin para de falar com ela e acaba piorando o relacionamento, que já vinha se deteriorando. Quando Thea pede o divórcio, ele percebe que o orgulho e o medo podem fazê-lo perder tudo.

Bem-vindos ao Clube do Livro dos Homens

Desesperado, Gavin encontra ajuda onde menos espera: um clube secreto de romances, composto por alguns dos seus colegas de time. Para salvar seu casamento, eles recorrem à leitura de uma sensual trama de época, Cortejando a condessa. Só que vai ser preciso muito mais do que palavras floreadas e gestos grandiosos para que Gavin recupere a confiança da esposa.

Hey galera, prontos para dar bastante risada com um livro fofo, emocionante e amorzinho? Então continua lendo essa resenha e conheça a história do Clube do Livro dos Homens.

O livro vai contar a história de Gavin, um jogador de beisebol que está na melhor fase de sua carreira, mas vocês conhecem o ditado… sorte no jogo, azar no amor #tenso. Ele é casado há cerca de três anos com Thea e ambos são pais de duas garotinhas gêmeas. A rotina de Gavin é muito dinâmica, com a temporada de jogos acontecendo e as responsabilidades sociais que a carreira exige, acaba sobrando pouco tempo para a família e a verdade é que Thea acaba se responsabilizando por grande parte do cuidado com as meninas.

Até que em um belo dia (noite, no caso rs) tudo chega a um estopim. Gavin descobre que sua esposa fingia com ele na cama, que a muito tempo ela não tinha prazer e fingia orgasmos. O caldo entorna, o casal se desentende e vários problemas que eles tinham acumulado ao longo do breve tempo de casamento vem à tona. #tenso²

Continue lendo
16jul • 20 comédia romantica, L.H. Cosway, literatura estrangeira, Penny Reid, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #322 The Player and The Pixie

Título: The Player and The Pixie
Série: Rugby
Ordem: 2
Autor: L.H. Cosway e Penny Reid
Editora: Independente
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Páginas: 364
Ano: 2016
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Como alguém tão gostoso pode ser tão ruim na cama? Quero dizer, Sean Cassidy é um lixo absoluto. LIXO. Ele é o epítome de andar, falar de falsa publicidade e quero um reembolso! Além disso, ele é um idiota. Então… o que há de errado comigo que não consigo parar de pensar nele?

PIXIE: Lucy Fitzpatrick não gosta de rugby. Como a irmã mais nova do famoso jogador de rúgbi da Irlanda, Lucy parece não conseguir escapar da sombra do campeonato do seu irmão mais velho, ou das frequentes tentativas de sua mãe de micro gerenciar seu futuro. Seu cabelo de arco-íris é como espírito livre quanto a sua busca pela paz interior, mas as expectativas dominantes continuam a derrubá-la. E quando está deprimida, seu pequeno problema compulsivo a coloca em sérios problemas.

PLAYER: Sean Cassidy é um bruto sem coração… ou assim dizem a ele. Com frequência. Por todos. Seus cabelos loiros, olhos azuis e corpo duro fazem as mulheres do mundo babarem de desejo. Como o segundo jogador mais infame do mundo do rugby, ele devia aquecer seu sucesso. Mas Sean nunca se conformou com o segundo lugar, e seus frequentes confrontos com o irmão mais velho de Lucy o deixa indiferente. E quando fica indiferente, seu pequeno problema compulsivo o coloca no colo de Lucy Fitzpatrick.

O PLANO: Sean tem um problema que só Lucy pode resolver. Lucy tem um problema que só Sean pode consertar. A solução parece óbvia: você coça as minhas costas e vou libertá-lo da prisão. Mas quando esse negócio inesperadamente deixa Sean quente e Lucy no precipício da paz interior, eles podem convencer o mundo – e o irmão mais velho de Lucy em particular – que é sério? De qualquer maneira, tanto o Player quanto a Pixie estão prestes a ensinar um ao outro algumas lições bastante monumentais sobre família, vida, mas o mais importante, amor.

Hey pessoal, quem me acompanha sabe que amo ler histórias sobre esportistas e quando fiquei sabendo dessa série, não resisti e fui logo ler o primeiro livro. Mas quebrei a cara porque o primeiro era bem chatinho rsrs, por isso abandonei e segui para o segundo porque as críticas eram mais positivas rs.

E todos estavam certos, The Player and The Pixie é ótimo!

Aqui nós temos a história e Sean e Lucy, ela é a irmã do protagonista do primeiro livro e ele o arqui inimigo do mesmo rs. Imaginem um Romeu e Julieta no mundo do Rugby e adicionem aí uma moça cleptomaníaca e um cara com a reputação de pegador, porém péssimo na cama… Muitas risadas, romance clichê e tudo o que mais gostamos nesses livros é o que vocês encontrarão aqui rs.

Continue lendo
23maio • 20 A. S. Teague, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #315 The Hardest Route

Título: The Hardest Route
Autor: A. S. Teague
Editora: Independente
Páginas: 294
Ano: 2019
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Meus amigos costumavam me dizer que ‘o que acontece em Vegas fica em Vegas’.

Claramente eles mentiram porque, alguns meses depois de uma noite na cidade, descobri que meu caso de uma noite ficou grávida.

Eu não podia lidar com um bebê.

Eu era Griffin Rockwell, o melhor receptor que a liga de futebol americano já havia visto.

Mas que opção eu tinha? Minha filhinha estava chegando, quer eu estivesse pronto para ela ou não.

Brooke acabou sendo uma mulher e mãe incrível. Por sete anos, nós éramos o MVP1 da co-parentalidade – e até melhores amigos. Tudo mudou quando uma tragédia atingiu nossa família improvisada, e eu me deparei com a terrível possibilidade de perder a única mulher que acabei percebendo rapidamente que não poderia viver sem.

Eu estava no auge da minha carreira e no caminho para me tornar o melhor de todos os tempos. Mas manter minha família unida, com Brooke ao meu lado, pode ser o caminho mais difícil de todos.

Esse livro tinha tudo para ser mais um clichê que tanto amamos, confesso que comecei a ler pensando que seria uma história fofa entre um casal que começou um relacionamento de uma forma um tanto controversa. Não esperava ser surpreendida, mas fui.

The Hardest Route começa com nossos protagonistas se encontrando em Las Vegas (hummmm) e aquela máxima de “o que acontece em Vegas fica em Vegas” parece ser o lema de ambos. Durante a viagem, Brooke decide ter uma noite “imprudente” rs, ela conhece Griffin, que estava na cidade para comemorar que tinha sido escolhido para jogar em um grande time de futebol americano. Sim, nosso mocinho estava no auge da vida, ele só não imaginava que uma noite poderia mudar tudo.

Continue lendo