DarkSide Books

Resenha #335 Hex

Por Raquel em 29 nov • 2020
adulto

Resenha #333 Method

Por Barbara em 10 nov • 2020

Posts arquivados em: Tag: Agatha Christie

28abr • 20 Agatha Christie, Buddy Read, Haper Collins Brasil, literatura estrangeira, mistério, resenha, Resenhas de Livros, romance policial, Suspense

Resenha #311 Assassinato na Casa do Pastor

Título: Assassinato na Casa do Pastor
Autor: Agatha Christie
Editora: Haper Collins Brasil
Páginas: 253
Ano: 2017
Gênero: Policial/ Mistério/ Suspense/ Literatura Estrangeira
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: St. Mary Mead, um pacato vilarejo onde há quinze anos não ocorre um homicídio e onde as pessoas discutem a vida alheia tomando chá. Quando um sangrento crime acontece em plena casa do pastor, o alvoroço é grande. O arrogante inspetor Slack é escalado para investigar o caso. O mistério também intriga uma discreta moradora que gosta de jardinagem e de observar pássaros de binóculo, mas cujo principal hobby é o estudo do comportamento humano: Miss Marple. A estreia da sagaz velhinha, o aparecimento de personagens inusitados e a engenhosidade da trama fazem deste romance de 1930 um dos clássicos de Agatha Christie.

Miss Marple é a melhor!

Assassinato na Casa do Pastor é de um primor… Esse é o livro em que conhecemos a nova personagem da Agatha Christie, uma velhinha solteirona, que mora numa vila pequena e com bastante tempo livre aka vizinha fofoqueira rs.

A verdade é que Miss Marple é muito observadora e sabe ler muito bem as pessoas, por esse motivo ela acaba ficando “famosinha” na sua região por sua perspicácia. Vocês já acompanharam minha primeira experiência com ela em Um Corpo na Biblioteca, nesse livro eu já tinha tomado uma volta em toda a investigação, mas com AnCP fui enganada em outro nível.

Continue lendo
03mar • 20 12 livros para 2020, Agatha Christie, Desafio das GeLs, literatura estrangeira, mistério, Nova Fronteira, resenha, Resenhas de Livros, romance policial

Resenha #306 Morte no Nilo

Título: Morte no Nilo
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 256
Ano: 2014
Gênero: Policial/ Mistério/ Suspense/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Bela, rica e inteligente, a jovem herdeira Linnet Ridgeway parece conseguir tudo o que quer. No entanto, quando rouba o noivo de sua melhor amiga e se casa com ele sem pensar duas vezes, talvez Linnet esteja indo longe demais…
Em sua viagem de lua de mel num cruzeiro pelo rio Nilo, no Egito, o casal apaixonado se depara com uma série de antagonistas interessados em sua fortuna e em provocar sua infelicidade. Então alguém é encontrado morto, com um tiro na cabeça. O detetive Hercule Poirot, que por acaso também estava no navio, entra em ação para tentar montar mais esse quebra-cabeça.

Agatha Christie na área! Mais um livro da rainha do mistério finalizado, o segundo do desafio 12 livros para 2020.

Em Morte no Nilo nós temos uma trama muito interessante. Um triângulo amoroso formado ainda na Inglaterra, um assassinato aparentemente sem explicação, vários personagens de índole duvidosa – e por isso muito suspeitos, e por fim uma viagem pelo Egito.

Linnet e Simon Doyle acabaram de se casar e saíram em lua de mel pelo Egito, durante a viagem eles conhecem outras pessoas e nesse meio está o detetive mais famoso da Agatha, Poirot.

Continue lendo
27fev • 19 12 livros para 2019, Agatha Christie, literatura estrangeira, mistério, Nova Fronteira, Policial, resenha, Suspense

Resenha #256 Um Corpo na Biblioteca

Título: Um Corpo na Biblioteca
Autor: Agatha Christie
Editora: Nova Fronteira
Páginas: 184
Ano: 2014
Gênero: Policial/ Mistério/ Suspense/ Literatura Estrangeira
Classificação: 4,5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Ruby Keene, uma bela jovem, é encontrada morta na biblioteca da mansão do casal Bantry, aparentemente estrangulada. Dolly Bantry, a dona da mansão, chama sua amiga, a detetive amadora Miss Marple, para tentar descobrirem juntas quem é a garota, como foi parar lá, quem a matou e qual foi o motivo.

Tudo se complica ainda mais quando chega até eles a notícia de outra adolescente morta, carbonizada dentro de um carro incendiado em uma pedreira. Qual será a possível conexão entre os dois incidentes?

Agatha Christie na área meu povo!

Um Corpo na Biblioteca, minha segunda experiência com a rainha do mistério e primeiro encontro com Miss Marple.

Em UCnB, nós somos apresentados a um mistério fascinante. Uma jovem é encontrada morta na biblioteca de uma família de destaque na sociedade, os Bantry. Eles então chamam a polícia para investigar o caso e logo descobrem se tratar de uma jovem dançarina de um hotel próximo da região onde o corpo foi encontrado.

Continue lendo
24maio • 18 literatura estrangeira, mistério, resenha, Suspense

Resenha #220 Assassinato no Expresso do Oriente

Título: Assassinato no Expresso do Oriente
Autor: Agatha Christie
Páginas: 200
Editora: Nova Fronteira
Gênero: Literatura Estrangeira, Mistério, Suspense
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Nada menos que um telegrama aguarda Hercule Poirot na recepção do hotel em que se hospedaria, na Turquia, requisitando seu retorno imediato a Londres. O detetive belga, então, embarca às pressas no Expresso do Oriente, inesperadamente lotado para aquela época do ano.
O trem expresso, porém, é detido a meio caminho da Iugoslávia por uma forte nevasca, e um passageiro com muitos inimigos é brutalmente assassinado durante a madrugada. Caberá a Poirot descobrir quem entre os passageiros teria sido capaz de tamanha atrocidade, antes que o criminoso volte a atacar ou escape de suas mãos.

 

Eu juro que tentei não criar teorias e descobrir quem era o assassino, não tinha a intenção de me sentir boba quando chegasse às páginas finais, mas foi impossível!!!

Impossível!

Provavelmente muitos de vocês já leram Agatha Christie, essa foi a minha primeira experiência com a autora, eu sabia que iria gostar do livro, mas não imaginava que seria tanto. Mas vou deixar pra falar mais sobre isso já já, vamos para um breve resumo sobre a história.

A História começa com Poirot sendo chamado com urgência para voltar à Londres, ele voltava da solução de um caso em Aleppo, e o modo mais breve de se chegar ao seu destino era tomando o trem conhecido como Expresso do Oriente.

Durante a viagem ele se depara com vários indivíduos diferente, um grupo bastante eclético. Um em especial chama a sua atenção, um homem chamado Rachett, que exalava uma vibe no mínimo suspeita.

Continue lendo