drama

Resenha #271 Dear Aaron

Por Barbara em 29 maio • 2019
drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019
Laura Ward

Resenha #264 Not Yet

Por Barbara em 22 mar • 2019

Posts arquivados em: Tag: hot

11fev • 19 Essência, literatura estrangeira, Penelope Ward, resenha, Romance

Resenha #249 Querido Vizinho

Título: Querido Vizinho
Autor: Penelope Ward
Editora: Essência
Páginas: 304
Ano: 2018
Gênero: Romance/Literatura Estrangeira
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Depois de tomar um pé na bunda, a última coisa que eu precisava era me tornar vizinha de alguém que me lembrasse do meu ex-namorado, Elec. Damien era uma versão mais sexy do meu ex. O vizinho que eu chamei de “artista irritado” também tinha dois cachorros enormes que me mantinham acordada com seus latidos. Ele não queria nada comigo. Ou era o que eu pensava até que uma noite eu ouvi risadas vindo através de um aparente buraco na parede do meu quarto. Damien estava ouvindo todas as minhas sessões de telefone com o meu terapeuta.

O artista sexy agora conhecia todos os meus segredos mais profundos e inseguranças. Nós começamos a conversar. Ele me deu dicas para superar meu rompimento. Tornou-se um bom amigo, mas deixou claro que não poderia ser nada mais. O problema era que eu estava me apaixonando por ele. E por mais que ele me afastasse, eu sabia que ele sentia algo por mim… porque seu batimento cardíaco não mentia. Eu pensei que meu coração havia sido destruído por Elec, mas estava vivo e batendo mais forte do que nunca por Damien. Eu só esperava que ele não o destruísse para sempre.

E aí minha gente! Resenha nova na área e se é romance o que vocês querem, romance é o que irá encontrar nessa resenha.

Tudo começa quando Chelsea toma um pé na bunda do namorado e acaba precisando se mudar. É complicado galera, ela jurava que estava em direção ao altar, quando o ex decidiu que gostava mais de outra pessoa. E nossa mocinha ficou a ver navios, ainda apaixonada pelo cara e precisando com urgência de uma nova residência.

Continue lendo
06fev • 19 Charme, literatura estrangeira, resenha, Romance, Vi Keeland

Resenha #247 Egomaníaco

Título: Egomaníaco
Autor: Vi Keeland
Editora: Charme
Páginas: 320
Ano: 2018
Gênero: Romance
Classificação: 4 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Na noite em que conheci Drew Jagger, ele tinha acabado de invadir meu novo escritório na Park Avenue. Liguei para a polícia antes de atacá-lo com minhas novas habilidades de Krav Maga. Ele me conteve com rapidez e depois riu, achando graça da minha tentativa de agressão. Claro que meu invasor tinha que ser arrogante.

Mas, no fim, ele não era um invasor.

Drew era o proprietário legítimo do meu novo escritório. Ele estava de férias enquanto seu elegante espaço era reformado. E foi assim que um golpista conseguiu me enganar alugando para mim o escritório que não estava realmente disponível para aluguel.

Perdi dez mil dólares.

No dia seguinte, depois de horas na delegacia, Drew ficou com pena e me fez uma oferta que não pude recusar: em troca de atender seus telefonemas enquanto sua secretária estivesse fora, ele me deixaria ficar até encontrar um lugar novo. Provavelmente, eu deveria ter ficado agradecida e mantido a boca fechada quando ouvia o conselho que ele dava aos seus clientes. Mas não conseguia deixar de expressar minha opinião.

Nunca esperei que meu corpo reagisse toda vez que discutíamos. Principalmente quando parecia que era só isso que conseguíamos fazer. Nós dois éramos totalmente diferentes. Drew era amargo, bravo, lindo pra caramba e destruidor de relacionamentos. E meu trabalho era ajudar as pessoas a salvar seus casamentos. A única coisa que tínhamos em comum era o espaço que estávamos compartilhando. E uma atração que estava sendo difícil de negar a cada dia que passava.

Hey meu povo, hoje trouxe um livro bem divertido para vocês. Se você gosta de romance em escritório, tá na resenha certa!

Egomaníaco conta a história de Emerie e Drew. Ela é uma psicóloga que trabalha ajudando casais a se entenderem, uma especialista em relacionamentos. Ele é um advogado especializado em divórcio, nada poderia ser mais oposto do que isso né rsrs.

Continue lendo
02out • 17 Globo Alt, literatura estrangeira, new adult

Resenha #202 Mr. Romance

Título: Mr. Romance
Série: Masters of Love
Ordem: 1
Autor: Leisa Rayven
Editora: Globo Alt
Gênero: New Adult
Páginas: 358
Ano: 2017
Classificação: 5 estrelas

Sinopse: Max Riley é um homem incrível que pode fazer com que as fantasias mais fantásticas ganhem vida: sob o alter ego de Mr. Romance, ele pode ser um bilionário dominador, um bad boy inocente, um geek sexy ou qualquer outro personagem que satisfaça os desejos das mulheres solitárias da alta sociedade de Nova York. No entanto, nada disso envolve sexo: são apenas encontros inesquecíveis. 
Intrigada com a lenda urbana de Mr. Romance, a jornalista Eden Tate está determinada a publicar uma matéria revelando a identidade e as artimanhas de Max. Desesperado para proteger seu anonimato e de suas clientes, Max desafia Eden a ter com ele três encontros: se ela não se apaixonar por ele, poderá publicar a matéria. Caso contrário, deverá esquecer a história.
Eden não tem dúvidas de que conseguirá resistir a todos os falsos personagens de Mr. Romance, mas será que é seguro entrar no jogo do maior mentiroso de todos?
“Talvez sua conquista mais impressionante tenha sido me ajudar 
a finalmente entender que o romance é incrível – e qualquer um 
que tente te dizer o contrário está apenas enganando a si mesmo.”

 

Antes de tudo, aperte o play. Confie em mim…

Continue lendo

30mar • 17 new adult

Resenha #186 O Erro (Amores Improváveis #2)

Título: O Erro
Autor: Elle Kennedy
Série: Amores Improváveis #2
Editora: Paralela
Páginas: 279
Ano: 2016
Gênero: New Adult
Classificação: 3 estrelas
Compre o Livro

Sinopse: Logan parece viver uma vida de sonhos. Com um talento incrível para jogar hóquei e um charme inato para conquistar mulheres, ele é uma das maiores estrelas da universidade de Briar. Mas por trás do característico sorriso maroto, ele esconde duas grandes angústias – a primeira, estar apaixonado pela namorada de seu melhor amigo. A segunda, saber que sua vida, após a formatura, se tornará um beco sem saída. 
Um dia, por acaso, ele conhece Grace, uma garota tão encantadora quanto intrigante. Tudo nela parece ser original e deliciosamente contraditório – tímida, mas ao mesmo tempo vibrante. Doce, mas ao mesmo tempo forte e confiante. A cada encontro, Logan se vê mais e mais envolvido. Mas um grande erro colocará o relacionamento desses dois jovens em risco. 
Agora, Logan terá que se esforçar para reconquistar Grace – nem que para isso ele precise amadurecer e encarar de frente as suas questões mais profundas e doloridas.

O pior pesadelo de qualquer pessoa que tenha um melhor amigo ou melhor amiga é se apaixonar pela namorada ou namorado dele (a) né? Fala sério, quem é que gostaria de viver desejando o que nunca poderá ser seu? Pior ainda, se sentir constantemente desconfortável perto do amigo porque está desejando seu par? Deve ser terrível e algo que não desejo para ninguém! Mesmo!

Mas é nesse dilema que nosso mocinho vive. Em O Erro, segundo livro da série Amores Improváveis, acompanhamos a história do jogador de hockey Logan. Ele é o melhor amigo de Garret, protagonista de O Acordo, e está definitivamente apaixonado por Hannah, a namorada de Garret.

Continue lendo

28set • 16 Fantasia, Galera Record, literatura estrangeira

Resenha #169 Corte de Névoa e Fúria

Título: Corte de Névoa e Fúria
Série: Corte de Espinhos e Rosas
Ordem: 2
Autor: Sarah J. Maas
Editora: Galera Record
Gênero: YA / Fantasia
Páginas: 658
Ano: 2016
Classificação: 3 estrelas

Sinopse: O aguardado segundo volume da saga iniciada em Corte de espinhos e rosas, da mesma autora da série Trono de vidro Nessa continuação, a jovem humana que morreu nas garras de Amarantha, Feyre, assume seu lugar como Quebradora da Maldição e dona dos poderes de sete Grão-Feéricos. Seu coração, no entanto, permanece humano. Incapaz de esquecer o que sofreu para libertar o povo de Tamlin e o pacto firmado com Rhys, senhor da Corte Noturna. Mas, mesmo assim, ela se esforça para reconstruir o lar que criou na Corte Primaveril. Então por que é ao lado de Rhys que se sente mais plena? Peça-chave num jogo que desconhece, Feyre deve aprender rapidamente do que é capaz. Pois um antigo mal, muito pior que Amarantha, se agita no horizonte e ameaça o mundo de humanos e feéricos.
E a tão aguardada continuação de Corte chega em minhas mãos e, depois de uma leitura intensa … não sei como me sentir, ou o que dizer. Digamos que não foi tudo aquilo que eu esperava, mas ainda assim foi bom… mas poderia ter sido imensamente melhor. Okay, okay, vamos ao que interessa.
Aqui a história continua após os terrores vividos Sob A Montanha. Tamlin e Feyre estão tentando seguir suas vidas do modo mais normal possível, mas será que isso é possível? Feyre tenta desesperadamente se adaptar à vida de grã-féerica e Tamlin tenta recuperar o tempo perdido sem seus poderes e governando suas terras. Rhys, mesmo com aquele acordo de uma semana ao mês levar Feyre para a Corte Noturna, fica três meses sem dar as caras, e todo mundo acha isso estranho.
A questão é que, por mais normal que todos se esforcem em viver, os horrores, torturas e tudo o mais que ocorreu durante o domínio de Amarantha, mudaram a vida de todos no reino féerico, e Feyre se vê cada vez mais deprimida e longe de Tamlin, pois ele quer protege-la a todo custo, muitas vezes sem se importar com o que ela está sentindo. Lucien, por sua vez, tenta ajudar Feyre, mas acaba acatando as ordens de seu amigo, sem questioná-las, o que deixa a garota se sentindo ainda mais sozinha.

Continue lendo