Clichê

Resenha #360 Bossman

Por Barbara em 01 maio • 2021
adulto

Resenha #356 The Dare

Por Barbara em 18 mar • 2021
It

Resenha #355 It: A Coisa

Por Raquel em 13 mar • 2021
20fev • 21 12 livros para 2021, Clichê, comédia romantica, Desafio das GeLs, Faro Editorial, Lauren Blakely, Literatura Americana, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #351 Melhor que a Encomenda

Título: Melhor que a Encomenda
Autor: Lauren Blakely
Editora: Faro Editorial
Páginas: 320
Ano: 2019
Gênero: Comédia Romântica / Romance/ Literatura Estrangeira/ Literatura Americana
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: QUAL SERIA O ÚLTIMO LUGAR PARA VOCÊ ENCONTRAR O AMOR? Depois de várias desilusões, April desiste de buscar relacionamentos e passa a focar toda a energia no trabalho, até que surge uma daquelas reuniões familiares. Ela sente-se feliz solteira… mas encarar os interrogatórios de seus pais, da irmã e de todas suas tias casamenteiras durante um fim de semana prolongado é uma ideia desesperadora.

Então, ela pensa numa solução prática: contratar um acompanhante. Parece uma tarefa simples: levar um namorado que deve servir tanto para impressionar a família quanto para afastar pretendentes indesejáveis. Theo é o candidato ideal. Lindo, simpático, atencioso e o principal: depois do fim de semana, ele recebe o pagamento e cada um segue sua vida. Esse era o plano… Só que dividir momentos engraçados e inventar histórias pode ter o efeito oposto…

Primeiro livro do desafio 12 livros para 2021 finalizado com sucesso! Vamos às minhas impressões.

Bom, eu creio que fui com muita sede ao pote quando comecei a leitura desse livro, me animei com a sinopse, já abri com um sorriso no rosto crente que iria me encantar com mais esse romance clichê de namoro fake, mas não foi bem assim.

O livro conta a história de April e Théo, ambos são moradores de Nova York e vivem vidas bem distintas. Ela é uma artista, vive de fazer pinturas em corpo humano e está ficando bem famosa em seu nicho. Théo é barman, luta para pagar as contas e oferece em serviço de acompanhante bem fora do convencional… ele cria personagens de acordo com os pedidos de suas clientes e pode ter certeza que a satisfação é garantida.

É por meio desse serviço que eles se conhecem. April tinha um evento familiar que precisava comparecer e para fugir dos muitos pretendentes que sua família constantemente empurrava para ela, ela decide levar um namorado, mas como está em greve de namoro a melhor opção foi contratar o namorado. Quando conhece Théo a química é explosiva e instantânea, os dois se dão bem e em poucos minutos a amizade começa a florescer. Para ele também é difícil resistir a essa mulher e manter sua regra de não envolvimento sexual com suas clientes rs.

Mas aí são dias dividindo um quarto em uma pousada muito bonita e romântica… o ambiente perfeito para quebrar regras kkk.

Ao longo dos dias, a amizade entre os dois crescendo e a convivência com a família de April, vai fazendo esses dois perceberem que existe muito mais entre eles do que um simples contrato, seria hora de jogar tudo pro alto e investir num relacionamento verdadeiro? Claro né! Mas temos segredos nessa história e são eles que vão colocar esse relacionamento à prova quando tudo for revelado… rs.

Como eu disse, fui com muita sede ao pote e me decepcionei. O romance é bonitinho, o casal fofinho, o livro é engraçadinho… tudo é “inho”, então não tem nada que se destaque e te faça falar “nossa, que livro incrível”. Como eu respondi para quem me perguntou se era bom, é, mas poderia ser melhor.

Os diálogos são muito fraquinhos, o Théo que foi pintado como O CARA, foi se tornando mais um carinha fraco rsrs, os dramas e questões pessoais dele só me faziam revirar os olhos e não conquistaram minha total empatia. A April com os receios de se impor para a família e mostrar que seu trabalho era sério e importante também foi me cansando conforme eu ia virando as páginas.

Sobre a edição, não tem nada de mais, o livro é bem diagramado e a capa é fofa e olha que não gosto de pessoas em capas de livros rsrs, mas nesse caso eu gostei e achei bonitinho (pois é, tudo nesse livro é bem inho mesmo kk).

Enfim, leia por sua conta e risco, mas não espere muito.

Até a próxima.

Confira a resenha em vídeo

confira também os Posts Relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário