drama

Resenha #271 Dear Aaron

Por Barbara em 29 maio • 2019
drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019
12out • 18 Atria Books, Colleen Hoover, drama, lançamento, literatura estrangeira, resenha, Resenhas de Livros, Romance

Resenha #236 All Your Perfects

Título: All Your Perfects
Autor: Colleen Hoover
Editora: Atria Books
Páginas: 320
Ano: 2018
Gênero: Romance/ Literatura Estrangeira/ Ficção
Classificação: 5 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: A autora best-seller número um do New York Times, também autora do livro It Ends With Us, cuja escrita é “emocionalmente dolorosa e totalmente original” (Sarah Sheperd, autora best-seller do New York Times da série Pretty Little Liars) apesenta um romance excepcional sobre um casamento conturbado e uma velha e esquecida promessa que pode ser capaz de salvá-lo.

O amor perfeito de Quinn e Graham está ameaçado por seu casamento imperfeito. As lembranças, erros e segredos que eles acumularam ao longo dos anos estão, agora, os destruindo. E, a única coisa que pode salvá-los é, também, a única coisa que empurra seu casamento para muito além de um ponto de reparo.

All Your Perfects é um profundo romance sobre um casal destruído que tem seu potencial futuro preso a promessas feitas no passado. Esta é um livro interessante e devastador que questiona: Um amor tão grande e com um início tão perfeito pode sobreviver a uma vida inteira em meio a duas pessoas imperfeitas?

 

 

Eu não queria que você se apaixonasse por mim por causa do destino. Eu queria que você se apaixonasse por mim simplesmente porque não podia evitar.

Eu ouvi Colleen Hoover?

Isso mesmo meus caros, hoje é dia de Colleen Hoover nesse blog #adooooro. Dessa vez, trago para vocês a resenha do mais recente lançamento da nossa diva querida. Preparem os corações e o lencinhos!

Em All Your Perfects temos uma história completamente diferente dos livros anteriores da Colleen. Aqui temos Graham e Quinn, um casal passando por uma crise no casamento e que estão afundados em tantos problemas que parece não haver mais esperança e a melhor decisão é o divórcio.

O livro é dividido em Antes e Agora, tudo narrado por Quinn e nos mostra no presente o que o casamento se tornou e no Antes, como eles se conheceram e se apaixonaram. Eu vou me abster de contar sobre o enredo do livro, acho que é muito mais interessante vocês descobrirem as razões para o relacionamento de Quinn e Graham estar se desfazendo por conta própria, vou falar mais sobre o que senti durante a leitura.

O livro já começa em um tom bem pesado de tristeza, a narrativa da Quinn já é carregada de frustrações e muito sofrimento, conforme vamos lendo, os motivos de tudo vão ficando claros, a Colleen não nos enrola, ela logo explica o que está acontecendo. Minha primeira impressão é de que era um motivo até meio bobo, N soluções apareceram na minha cabeça, mas vocês sabem né, nada NUNCA é tão simples assim e com a páginas passando, descobrimos que o buraco é mais embaixo.

Em contrapartida, temos o Antes, a parte do livro que nos faz respirar com um certo alívio e um pouco de felicidade rs. A Quinn e o Graham se conhecem de uma forma muito peculiar, mas sabe aquela coisa de destino… sim, isso mesmo. Estamos falando de almas gêmeas meu caros, e esses dois são a metade da laranja do outro, o par de chinelo pro pé cansado, a tampa da panela… chame do que quiser, eles são simplesmente perfeitos junto!

– Eu gosto de você, Graham

– Claro que você gosta de mim, Quinn! Eu sou sua alma gêmea!

E ler essa perfeição toda no Antes, só aguça nossa curiosidade para entender como eles chegaram ao ponto onde estão. De se amarem tanto e mesmo assim não ser o suficiente.

É um livro doloroso e em um determinado momento muito cruel. Teve uma parte que acontece um determinado fato (sem spoilers por aqui rs) que me causou uma reação física, não é todo livro que me faz sentir isso, mas com esse foi algo absurdo!!! Minha vontade era de entrar no livro e quebrar tudo haha. Quem já leu vai saber identificar o momento e quem ainda não leu, vai lembrar das minhas palavras quando ler rs. E esse momento virou a moeda pra mim, tornou o Antes muito mais doloroso de ler do que o Agora e foram rios e rios de lágrimas até o final do livro.

Não importa o quanto você ame alguém – a capacidade desse amor não tem sentido se superar a sua capacidade de perdoar.

Não é um livro perfeito, tem vários problemas que em outros livros perderiam estrelas, como por exemplo o livro não ter grandes personagens secundários. São eles que compõe e dão vida e realismo aos protagonistas, apesar de termos a irmã da Quinn aparecendo e até a mãe dela, senti falta de mais, talvez detalhes do trabalho da Quinn ou até cenas e detalhes do emprego do Graham, pequenos detalhes corriqueiros do dia-a-dia que trazem um aspecto mais realista para o livro.

Entendo que tenha sido uma opção da Colleen se focar em um momento da vida do casal e a partir dali desenvolver sua história. Ok! Agora vocês me perguntam, por que não tirar estrelas se você viu e apontou pontos que considera negativos.

A resposta é simples.

Eu fui completamente absorvida por esse romance, entrei no livro e só saí quando finalizei, a história me pegou de tal forma que estou escrevendo essa resenha uma semana após finalizar a leitura e só a lembrança me traz de volta como me senti durante a leitura. Isso ao meu ver é muito superior ao que considerei problemático na construção do livro.

É por isso que indico esse e todos os livros da Colleen, é emocionante ao extremo, um tanto cruel, e ao final se você não estiver se debulhando em lágrimas, provavelmente seu coração é tão gelado quanto o da autora rsrs.

Fica a dica!

Ah, tem uma referência no epílogo que me fez aplaudir de pé e surtar bastante rs. Preparem-se!

Mas, eu concluí recentemente que não há outra explicação para que você e eu tenhamos acabado no mesmo planeta, na mesma espécie, no mesmo século, no mesmo país, no mesmo estado, na mesma cidade, no mesmo corredor, em frente à mesma porta pela mesma razão e ao mesmo tempo. Se Deus não acreditasse em mim, então eu teria que acreditar que você era apenas uma coincidência. E você sendo uma coincidência na minha vida é muito mais difícil de entender do que a mera existência de um poder superior.

 

Confira a resenha em vídeo

confira também os Posts Relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário

5 Comentários

  • Larissa Fontenele
    05 jan 2019

    Oi

  • Larissa Fontenele
    05 jan 2019

    Oi terminei o livro agora kkkk comecei e não consegui parar, sei bem a parte q voce falou q queria entrar no livro e sentiu uma dor física pq senti a mesma coisa, acho q amanhã estarei cm meus olhos inchados de tanto chorar, mas tudo bem pq o livro valeu apena, o final foi de rasgar o coração devido tudo que ela passou, mas amei o livro com todo meu coração e vc esta certa é concerteza um livro 5 estrelas❤

    • Barbara Lima
      Barbara Lima
      07 jan 2019

      Oi Larissa! Obrigada por comentar e fico feliz que você tenha gostado do livro tanto quanto eu. A Colleen sabe mexer com nossos sentimentos né, vamos de 8 a 80 em poucas páginas rsrs. Enfim, como você disse, tudo bem porque vale a pena.
      Obrigada novamente por esse comentário e beijos!

  • Brenda Motta
    06 nov 2018

    Gostei muito da resenha, ainda não li nenhum livro da Autora por incrível que pareça.
    Já li muitas resenhas de seus livros mas fico adiando rs.

    Parabéns pelo blog, achei de muito bom gosto, lindíssimo.

    Aceita Café?

    • Barbara Lima
      Barbara Lima
      06 nov 2018

      Oi Brenda, tudo bom?
      Olha, pare de adiar a leitura dos livros da Colleen mulher!! Tá esperando o quê? Leia que você vai se apaixonar. Aqui no blog temos resenha de praticamente todos os livros, comece por algum que te chame mais atenção e se joga!
      Obrigada por comentar e pelo carinho com o blog.
      Beijos!