drama

Resenha #271 Dear Aaron

Por Barbara em 29 maio • 2019
drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019
24jan • 19 literatura estrangeira, new adult, resenha, Romance

Resenha #243 Until It Fades

Título: Until It Fades
Autor: K.A. Tucker
Editora: Atria Books
Páginas: 368
Ano: 2017
Gênero: New Adult
Classificação: 3 estrelas

Compre o Livro

Sinopse: Catherine Wright, 24 anos, garçonete em uma parada de caminhões e mãe solteira tem objetivos simples: proporcionar uma vida feliz para sua filha de 5 anos e nunca mais ser a fofoca da cidade de Balsam, Pensilvânia, com 2.000 habitantes fora da temporada de turismo.
Então em uma noite com muita neblina, em uma estrada solitária, quando voltava de mais uma tentativa frustrada de relacionamento, ela salva a vida de um homem. É apenas após a chegada da polícia que a jovem percebe exatamente quem ela havia salvado: Brett Madden, ícone do hockey e queridinho da mída.
Como já havia conseguido seus quinze minutos de fama e a última coisa que ela queria era ver seu passado vindo à tona novamente, só que dessa vez em âmbito nacional. Por isso, ela resolve esconder sua identidade. Funciona… por um tempo.
No entanto, quando encontra o homem que havia salvado em sua porta, desesperado por uma chance de agradece-la, tudo muda. O que começa como uma amizade imediata se transforma em algo que nenhum dos dois poderia esperar, algo com o qual Catherine não sabe se consegue lidar e que a deixa com medo de confiar, pois por quanto tempo um homem extraordinário como Brett ficaria interessado por uma mulher comum como ela antes que a chama se apagasse?

“Com Brett eu não me apaixonaria, eu flutuaria.”

Primeiro livro de 2019 e a leitura não poderia ter acontecido de outra forma além de em algumas horas. Confesso que fazia algum tempo que não conseguia ler assim e nossa, como me fez bem! Além de ser o primeiro livro concluído, também é a minha primeira resenha desde outubro de 2017. Fiquei longe demais de vocês, my frens. Porém, esse tempo é passado e quem vive de passado é museu. Então… I’m back, bitches! 😎🖖

E vamos falar sobre Until It Fades. O livro conta a história de Catherine Wright, uma jovem que está longe de ser a favorita da pequena cidade onde mora devido a um certo episódio do passado do qual ela não se orgulha nem um pouco, e que abalou sua relação com os pais. Cath tem um filhinha de 5 anos, Brenna, e se esforça para manter seu passado escondido para que a criança não tenha que sofrer as consequências de seus erros.

Uma noite, após um péssimo encontro arranjado, sua vida muda completamente. Ao voltar para casa, ela se depara com um acidente de carro e consegue salvar um dos passageiros antes que o carro exploda. O que ela não esperava era que o cara era o maior jogador de hockey da atualidade e que apesar de seu desejo de manter sua identidade anônima, ele não descansaria até descobrir quem era a mulher misteriosa que o salvou para que pudesse agradecê-la pessoalmente. O que ambos não poderiam imaginar é que algo mais nasceria de tudo isso e que seria quase impossível ficarem afastados.

Brett, o jogador, faz de tudo para conquista-la e é claro que não foi difícil porque ela não conseguia impedir seu coração de se apaixonar por ele. E sim, essa é uma história mais água com açúcar que Nicholas Sparks e bem clichê. Tem até um toque de conto de fadas, bem estilo cinderela, o cara super popular e rico se apaixonando pela garota pobre que trabalha em uma lanchonete, bem gata borralheira mesmo. O que diferencia aqui é a falta da Madrasta e as duas irmãs ridicúlas.

Ao longo da história, vemos a relação entre Cath e sua família ser restaurada e também vemos personagens que foram essenciais para que, mesmo com tantas dificuldades, ela sempre tivesse o apoio que precisasse. A narrativa é alternada entre passado e presente, nos deixando a par do incidente que a tornou a inimiga número um da cidade.

Como já mencionei, é uma história bem clichê. Um romance bem leve e descontraído, um pouco picante pra quem curte, mas o foco não foi esse. O foco aqui é fazer o leitor acreditar que contos de fada podem se tornar real. Pela falta de desenvolvimento e um pouco mais de profundidade na história, só dei 3 estrelas. No entanto, eu super aconselho a leitura. E fiquei apaixonada pelo Brett, sim. Ele é muito fofo… meio maluco, mas fofo.

confira também os Posts Relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário

4 Comentários

  • Laura
    12 fev 2019

    Nossa, adorei! Quero ler! Você sabe onde consigo baixar?

    • Barbara Lima
      Barbara Lima
      23 jul 2019

      Só pelo link que está disponível na resenha. Em outro lugar não sabemos.
      Obrigada por comentar Laura.

  • Barbara Lima
    Barbara Lima
    24 jan 2019

    Welcome back Ra! Adorei a resenha e fiquei curiosa com a história. Adoro livros com esportistas haha e adoro mais ainda suas resenhas <3

    • Raquel
      Raquel
      30 jan 2019

      Ah você vai curtir mesmo, Ba. É bem no estilo dos seus random <3