drama

Resenha #271 Dear Aaron

Por Barbara em 29 maio • 2019
drama

Resenha #268 Bad Boy Brody

Por Barbara em 03 abr • 2019
28jul • 14 Atria Books, Jamie McGuire, new adult, resenha, Review

Resenha #44 Beautiful Oblivion (The Maddox Brothers #1)

Título: Beautiful Oblivion
Autor: Jamie McGuire
Editora: Atria Books
Classificação: 5 estrelas 

Sinopse: A independente Camille “Cami” Camlin se ausentou alegremente de sua infância antes que ela acabasse. Se manteve em um emprego antes mesmo de poder dirigir, e conseguiu um apartamento próprio antes de seu primeiro ano de caloura na faculdade. Agora como bartender do Red Door, Cami não tem muito tempo para outras coisas além do trabalho e das aulas, até que uma viagem para ir ver seu namorado, no primeiro final de semana de folga, em quase um ano, é cancelada.

Trenton Maddox era o rei da Eastern State University, saindo com as estudantes antes mesmo de se formar no ensino médio. Seus amigos queriam ser como ele, e as mulheres queriam domá-lo, mas, após um acidente trágico, que deixou seu mundo às avessas, Trenton deixa o campus para superar sua culpa.
Dezoito meses depois, Trenton está morando com seu pai e trabalhando em um estúdio de tatuagem para ajudar com as despesas. Justo quando ele acha que sua vida está voltando ao normal, ele percebe Cami sentada, sozinha, em uma mesa no Red.

Como babá de quarto irmãos, Cami acredita que ela não terá problema algum em manter essa nova amizade com Trenton Maddox apenas platônica. Mas quando um garoto Maddox se apaixona, ele ama eternamente – mesmo quando ela pode ser a única razão para que sua já frágil família tenha seus laços ainda mais enfraquecidos.

“Eu estava com um sério problema.
Grande, desastroso, problema Madoxx.”
Então, sabe como você se apaixonou perdidamente pelo Travis, em Belo Desastre? Imagine isso … multiplicado por 1.000! É exatamente assim que eu estou me sentindo após conhecer Trenton Maddox. A única diferença entre os dois é que o Trent é muito mais controlado que o Trav, tipo, muito mais controlado. O Trav é meio que o bebezinho, né? Não admito que falem mal dele! u.u … Mas o Trent … HOLY SHIT! Não sei nem o que falar.
Bem, vamos ao livro…

Beautiful Oblivion apresenta o mesmo ritmo de Belo Desastre, mas com personagens muito mais interessantes. O livro é narrado por Camille, que vêm de uma família desestruturada, e sofre com o abuso de sua boa vontade pelos irmãos. Cansada de ser sempre a culpada por tudo em casa, ela sai e vai viver sua vida, completamente independente. E é assim que ela conhece T.J., seu misterioso namorado, com seu emprego misterioso na California.
Bom, ele não está sempre presente, e eles tentam fazer a relação dar certo à distância, mas isso acaba se tornando um problema, quando ela consegue tirar uma folga para ir ver o gato, e ele precisa cancelar os planos dela, devido ao emprego. Até aí, okay. Nada demais, opa… é aí que você se engana, pois é aqui que o Trent dá o ar das graças.
Eles já se conheciam desde criança, mas a reputação de Trent não era das melhores, perante os olhos da Cami. Galinha, era apelido para os Maddox. Mas então, uma amizade começa, e eu preciso dizer que eles são muito fofos juntos, mas são muito cômicos também. Sério, vocês vão dar altas gargalhadas com esses dois.
A história se desenvolve muito bem à partir daí, e você se pega em um desespero, torcendo para que os dois fiquem juntos, e amando quando a Cami resiste ao charme do Trent, mesmo estando apaixonada por ele, por consideração e respeito ao seu misterioso namorado.
Eu gostei tanto da Cami; sério, ela não faz dramas desnecessários e todas as suas ações são justificáveis, até mesmo quando ela perde o controle. E ela meio que ficou de saco cheio da Abby, antes mesmo de conhecer a criatura hahahah
“Não é atoa que ele estava se sentindo tão infeliz.
Os dois estavam me deixando exausta, e eu ainda nem sabia o nome dela.”
É ou não é para amar a Cami?
Bom, quando o romance rola, é muito bom mesmo. Eles são maravilhosos, perfeitos mesmo, juntos. Agora, isso é tudo que posso falar sobre o livro.
Ah, antes que eu esqueça, alguma cenas de Belo Desastre são recontadas aqui, sob o ponto de vista da Camille. São ainda mais hilários do que a Abby e o Travis contando, sério. Tipo a cena que ele sai da festa carregando a Abby no ombro, aquela em que ele beija a Abby no pescoço quando eles estão dançando, e quando ele conversa com a Cami no bar, falando o que sente pela Abby, e quando as gêmeas aparecem e quase fazem a Abby ir embora.
Enfim, VOCÊS PRECISAM LER!

confira também os Posts Relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário