adulto

Resenha #324 Drive

Por Barbara em 28 jul • 2020
13fev • 14 book, resenha

Resenha #04 O Visconde Que Me Amava (Os Bridgerton #2)

Nome: O Visconde Que Me Amava
Autor: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Estrelas: 5

Compre: http://amzn.to/2mVOxml

Sinopse: A temporada de bailes e festas de 1814 acaba de começar em Londres. Como de costume, as mães ambiciosas já estão ávidas por encontrar um marido adequado para suas filhas. Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano será Anthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as probabilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva.
 
Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela.
 
Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele.
 
Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração.
 
Considerada a Jane Austen contemporânea, Julia Quinn mantém, neste segundo livro da série Os Bridgertons, o senso de humor e a capacidade de despertar emoções que lhe permitem construir personagens carismáticos e histórias inesquecíveis.
“Seria possível apaixonar-se pela mesma pessoa
sempre, todos os dias?”
Primeira coisa que eu preciso falar: PREPAREM-SE PARA CONHECER O HOMEM DOS SEUS SONHOS. Sim, amores, é exatamente assim que vocês se sentirão ao encontrar Anthony Bridgerton. 

O primeiro livro é simplesmente maravilhoso, mas este segundo …. #suspira
Não tenho nem palavras para começar a descrever tudo que senti ao viajar por estas páginas. Julia Quinn simplesmente te deixa com uma vontade imensa de encontrar uma máquina do tempo e ir parar na mesma época. Confesso que dei muitas gargalhadas com Anthony e Kate. Me apaixonei junto com eles, senti suas angústias, partilhei de seus medos. 

Anthony é um visconde; o solteiro mais cobiçado da temporada em Londres. Rico, incrivelmente lindo, alto, forte …. maaaaaaaaaas é libertino demais. Um conquistador que nunca pensou em se casar, até que seus medos mais secretos o fizeram admitir que estava na hora de se assentar. A única coisa que ele não queria era se apaixonar, por isso procurou a moça mais bela e, em sua concepção mais fútil, pois assim seria possível controlar seu coração.

O que ele não esperava era encontrar tantos desafios com a inteligência e audácia de Kate. Kate, meus queridos, é a melhor amiga dos sonhos. Inteligente, sarcástica, divertida e faria qualquer coisa por aqueles que ama, até impedir o casamento da irmã mais nova com o cara mais cobiçado da cidade. 

O que os dois não esperavam era o fato de suas desavenças os levassem a se apaixonar loucamente! E quando eles começam a se apaixonar …. arrancam suspiros a cada página! Adorei as briguinhas dois dois! Eu gargalhava no meio do metrô, dentro da sala na hora do intervalo, em casa … enfim, é impossível largar este livro. 

Julia Quinn me lembra Jane Austen sim, e toda fã de Austen DEVE ler este livro! Aliás, leia a série! Prometo que será muito divertido, emocionante e, claro… delirante.
CORRA ATÉ A LIVRARIA MAIS PRÓXIMA E GARANTA O SEU… aliás, leve os três! Eu mal posso esperar para colocar minhas mãos no próximo volume da série “Um Perfeito Cavalheiro”. Já deu pra perceber que os irmãos desta família caíram nas minhas graças, né? Não posso viver sem eles!

 

confira também os Posts Relacionados

Comente com o Facebook

Deixe seu comentário